José Joaquim de Oliveira de Viamonte

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

José Joaquim de Oliveira de Viamonte (2 de Janeiro de 1791 - 1859), 1.º Barão de Viamonte da Boavista, foi um militar português.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Foi Coronel de Milícias de Vila Real e ulteriormente Oficial Capitão do Exército, condecorado com as Medalhas de Três Campanhas da Guerra Peninsular, etc.[1][2]

O título de 1.º Barão de Viamonte da Boavista foi-lhe concedido por Decreto de D. Maria II de Portugal de 17 de Fevereiro de 1848. Foi Fidalgo de Cota de Armas por Carta de D. Maria II de Portugal de 17 de Fevereiro de 1849 para Dias, de Oliveira, da Cunha e Fernandes, com timbre de Dias e Coroa de Barão.[3][4]

Casamento e descendência[editar | editar código-fonte]

Casou no Rio de Janeiro, Candelária, a 31 de Agosto de 1836 com Silvina Severa da Cunha Pinto (31 de Maio de 1819 - ?), filha de João da Cunha Pinto, Fidalgo da Casa Real, e de sua mulher Rosa Joaquina Baptista,[5][6] da qual teve uma filha e um filho:

Referências

  1. "Nobreza de Portugal e do Brasil", Direcção de Afonso Eduardo Martins Zúquete, Editorial Enciclopédia, 2.ª Edição, Lisboa, 1989, Volume Terceiro, p. 477
  2. "Anuário da Nobreza de Portugal - 2006", António Luís Cansado de Carvalho de Matos e Silva, Dislivro Histórica, 1.ª Edição, Lisboa, 2006, Tomo IV, p. 825
  3. "Nobreza de Portugal e do Brasil", Direcção de Afonso Eduardo Martins Zúquete, Editorial Enciclopédia, 2.ª Edição, Lisboa, 1989, Volume Terceiro, p. 477
  4. "Anuário da Nobreza de Portugal - 2006", António Luís Cansado de Carvalho de Matos e Silva, Dislivro Histórica, 1.ª Edição, Lisboa, 2006, Tomo IV, p. 825
  5. "Nobreza de Portugal e do Brasil", Direcção de Afonso Eduardo Martins Zúquete, Editorial Enciclopédia, 2.ª Edição, Lisboa, 1989, Volume Terceiro, p. 477
  6. "Anuário da Nobreza de Portugal - 2006", António Luís Cansado de Carvalho de Matos e Silva, Dislivro Histórica, 1.ª Edição, Lisboa, 2006, Tomo IV, p. 825