Línguas gurunsi

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Línguas gurunsi
Gurunsi, Grunci
Distribuição
geográfica
Burquina Fasso, norte de Gana e Togo
Classificação linguística Nigero-congolesa
Glottolog grus1239[1]

O Grũsi ou línguas Gurunsi formam um subgrupo das línguas gur, compreendendo cerca de 20 línguas faladas pelos povos Gurunsi. As línguas Grũsi são faladas no norte do Gana, nas áreas adjacentes de Burquina Fasso, e Togo. A maior língua do grupo Grusi é cabié, uma língua falada por cerca de 1.200.000 pessoas (das quais 550.000 são falantes nativos) em todo o Togo central.

Línguas[editar | editar código-fonte]

  • Oriental: Bago-Kusuntu, Chala, Lukpa, cabié, Tem, Lama, Delo
  • Norte: Kalamsé, Lyélé, Nuni, Pana, Kasem
  • Ocidental: Chakali, Winyé, Deg, Phuie, Paasaal, Sissala, Tampulma, Vagla
  • Gurunsi

Referências

  1. Hammarström, Harald; Forkel, Robert; Haspelmath, Martin, eds. (2017). «Grusi». Glottolog 3.0 (em inglês). Jena, Alemanha: Instituto Max Planck para a Ciência da História Humana 
Ícone de esboço Este artigo sobre linguística ou um linguista é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.