Lista de governantes de Logudoro

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Ambox rewrite.svg
Esta página precisa ser reciclada de acordo com o livro de estilo (desde janeiro de 2016).
Sinta-se livre para editá-la para que esta possa atingir um nível de qualidade superior.
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde janeiro de 2016). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Os Juízes de Logudoro (ou Torres, em italiano Giudici) governaram o Noroeste da ilha da Sardenha entre os séculos XI e XIII. O título provinha de influência bizantina, já que era este o título oferecido pelo Imperador aos governantes subordinados no Oeste Europeu. No século XI tornaram-se independentes como um dos quatro julgados-estado que existiram na Sardenha da Idade Média. Logudoro teve a particularidade (ao contrário dos restantes julgados) de se manter sempre na mesma família, os Lacon Gunale. Resistiu às lutas entre as cidades-estado italianas de Pisa e Génova pela posse total da ilha, mas não por muito tempo. Caiu em 1259[1], depois da morte da grande Adelásia de Torres, cujo governo marcou os últimos anos deste julgado.

Juízes-Reis de Logudoro (Torres)[editar | editar código-fonte]

Casa de Lacon Gunale[editar | editar código-fonte]

Com a morte de Adelásia sem descendência, o julgado é dividido entre Arborea e as famílias Dória e Malaspina.

Referências

  1. Carta Raspi, pp. 276-278

Ver também[editar | editar código-fonte]