Lita Cerqueira

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Lita Cerqueira (1952) é fotografa baiana contemporânea reconhecida por registrar a cultura negra brasileira. A fotografa teve atuação importante no cinema brasileiro, trabalhando como produtora fotográfica ao lado de Glauber Rocha, Neville de Almeida, Nelson Pereira dos Santos, entre outros, além de atuar no registro de importantes artistas da música como Gilberto Gil, Maria Bethânia e Gal Costa, e ter suas fotos impressas em livros, revistas, capas e encartes de discos. Já expôs em países como França, Itália e Alemanha.[1][2]

Vida[editar | editar código-fonte]

Lita Cerqueira nasceu em Salvador, Bahia em 1952. Trabalha com produção de fotografia em 1969, atuando também como atriz em cinema e teatro.. Sua experiencia como como atriz, possibilitou que ingressasse no universo cinematográfico. No início dos anos 70, Lita deixou escola, família e trabalho para seguir em busca de uma vida com valores hippie. Em 1973, após o nascimento do seu filho, Lita dedica-se exclusivamente à fotografia. O reconhecimento profissional enquanto fotografa veio a partir da exposição “Festas populares da Bahia e Arquitetura no Centro Histórico de Salvador”, em 1976.[3] Ao longo desses anos, Lita vem registrando alguns dos principais artistas da Música Popular Brasileira, e publicando suas fotos em livros, revistas, capas e encartes de discos como “Bahia aux Sertões: 1939 a 1950”, da coleção Brésil, les Chants de la Mère et de la Terre ( 2006) e contracapa do CD “Cores e Nomes” de Caetano Veloso. (1982).

Prêmios[editar | editar código-fonte]

  • 2003 - Eleição como fotógrafa oficial da Lavagem da Madeleine Staircase de Paris, França[4]

Exposições[editar | editar código-fonte]

  • 2012 - A fotografia telle que je suis, Galeria Ricardo Fernandes, Paris, França
  • 2010 - A Fotografia Como Eu Sou, Oi Futuro Flamengo, Rio de Janeiro, Brasil
  • 2009 - A fotografia Como Eu Sou, Pinacoteca de São Paulo, Brasil
  • 2008 - Cosmopolita, Retrospectiva Lita Cerqueira, Centro Cultural Correios, Salvador, Brasil
  • 2004 - Cerimônia de Aquisição - 10 fotos de Lita Cerqueira pelo Museu Afro-Brasileiro do Parque Ibirapuera, São Paulo, Brasil
  • 2000 - A redescoberta do corpo e alma negros do Brasil 500, Parque do Ibirapuera, São Paulo, Brasil
  • 1997 - Representante do Estado da Bahia, no evento VIVA BAHIA !, Sociedade Afro-Americana do Patrimônio, Centro Cultural Pensacola, Flórida, EUA[4]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Lita Cerqueira | bate-papo - Ateliê da Imagem». Cursos de Fotografia e Artes Visuais | Ateliê da Imagem. Consultado em 24 de maio de 2020 
  2. «Lita Cerqueira apresenta 'Preto e Branco' em Ipanema – Retratorio». Consultado em 24 de maio de 2020 
  3. «Lita Cerqueira». litacerqueira.blogspot.com. Consultado em 24 de maio de 2020 
  4. a b «Lita Cerqueira Biography – Lita Cerqueira on artnet». www.artnet.com. Consultado em 24 de maio de 2020