Livro ilustrado

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Página do livro Struwwelpeter, obra de Heinrich Hoffmann e um dos primeiros livros que contém o estilo que os livros ilustrados atuais ainda mantém.

Um livro ilustrado combina narrativas visuais e verbais no formato de livro. Qualquer livro que junte o formato narrativo com imagens pode ser considerado um livro ilustrado; Kiefer (2010) afirma: "Nos melhores livros ilustrados, as ilustrações são tanto uma parte da experiência com o livro quanto o texto escrito."[1] Segundo Hunt (2014), o livro ilustrado não é a mesma coisa que um livro que contém ilustrações, embora "distinção [seja], em grande parte, organizacional. Porém se lembrarmos que a ilustração altera a maneira como lemos o texto verbal, isso se aplica ainda mais ao livro-ilustrado [sic]."[2]

Orbis Pictus, do escritor checo Comenius, é o mais antigo livro ilustrado voltado especificamente para crianças, sendo uma espécie de enciclopédia infantil ilustrada através de xilogravura.[3] O primeiro livro ilustrado produzido em língua inglesa foi A Little Pretty Pocket-Book, lançado em em 1744 e escrito por John Newbery.[4] O livro alemão Struwwelpeter, obra de Heinrich Hoffmann publicada em 1845, marca o início do design moderno dos livros ilustrados. Segundo Metcalf (1996 apud CHALOU, 2007, p. 24), os traços ainda usados contemporaneamente se revelam "através da sua combinação de imagem e texto" e de sua "mistura de popular e pedagógico."[5]

Referências

  1. Kiefer, Barbara (2010). Charlotte Huck's Children's Literature (em inglês). [S.l.]: McGraw-Hill. p. 156. ISBN 978-0-07-337856-5 
  2. Hunt, Peter (2014). «10: A crítica e o livro ilustrado». Crítica, teoria e literatura infantil. [S.l.]: Cosac Naify. p. 233. ISBN 978-8-54-050737-1 
  3. Hunt 1996, p. 217.
  4. Hunt 1996, p. 668.
  5. Chalou, Barbara Smith (2007). Struwwelpeter: Humor Or Horror?: 160 Years Later. [S.l.]: Lexington Books. p. 24. ISBN 978-0-73-911664-7 

Bibliografia[editar | editar código-fonte]