Malonato

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Estrutura química do ânion malonato.

O ânion malonato ou propanodiato é CH2(COO)22- (ácido malônico menos dois íons hidrogênio). Os compostos de malonato incluem sais e ésteres do ácido malônico, tais como:

O malonato é um inibidor da respiração celular, porque se une ao sítio ativo da succinato desidrogenase no ciclo do ácido cítrico, mas não reage, competindo com o succinato.

Na reação de fosforilação oxidativa, o malonato é um inibidor do complexo II que, novamente, contém succinato desidrogenase.[1]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Dervartanian DV, Veeger C. (1964). «Studies on succinate dehydrogenase. I. Spectral properties of the purified enzyme and formation of enzyme-competitive inhibitor complexes». Biochim. Biophys. Acta [S.l.: s.n.] 92: 233–47. PMID 14249115.  Parâmetro desconhecido |month= ignorado (|data=) (Ajuda)
Ícone de esboço Este artigo sobre Química é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.