Marco Colonial de Touros

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Marco de Touros, atualmente localizado na Fortaleza dos Reis Magos, em Natal.

O Marco Colonial de Touros é um padrão chantado em 1501 pelo Reino de Portugal no litoral do Rio Grande do Norte. O objeto tinha a finalidade de atestar a metrópole como descobridora e detentora daquela terra que mais tarde se chamaria Brasil.

A pedra, em forma de coluna, detém 1,62 m de altura e 32,5 cm de largura. Em uma de suas faces, possui a cruz da Ordem de Cristo e o escudo português esculpidos em relevo.[1]

É considerado o monumento colonial mais antigo do Brasil e um dos primeiros registros portugueses no país, fazendo parte do Patrimônio Histórico Nacional.[2]

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre História do Brasil é um esboço relacionado ao Projeto História do Brasil. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.