Marpha

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde abril de 2014). Por favor, adicione mais referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Nepal Marpha  
Rua de Marpha
Rua de Marpha
Marpha está localizado em: Nepal
Marpha
Localização de Marpha no Nepal
Coordenadas 28° 45' 12" N 83° 41' 11" E
Região Oeste
Zona Dhaulagiri
Distrito Mustang
Altitude [1] 2 700 m (8 858 pés)
Altitude máxima 3 003 m (9 852 pés)
Altitude mínima 2 600 m (8 530 pés)
População (2011)[2]
 - Total 1 551

Marpha é uma aldeia e um village development committee (lit.: "comité de desenvolvimento de aldeia") no distrito de Mustang, da zona de Dhaulagiri da região Oeste do Nepal. Em 2011 tinha 1 551 habitantes e 414 residências.[2] Situa-se a 2 700 metros de altitude, na vertente ocidental (margem direita) do vale do Kali Gandaki.

O village development committee tem as seguintes aldeias:[1]

  • Chhairo (2 620 m)
  • Dhonga (2 600 m)
  • Jhong (3 003 m)
  • Laki (2 780 m)
  • Marpha (2 700 m)
  • Syang (2 780 m)

A aldeia é conhecida pelas suas frutas, especialmente as maçãs, a partir das quais é produzido o chamado brandy de Marpha (ou café de Mustang) e compotas. Além da agricultura, as principais atividades locais são a criação de mulas e o turismo. A aldeia é uma paragem comum, para descanso ou para pernoitar, dos caminhantes que percorrem o Circuito do Annapurna.

É uma aldeia pitoresca, com casas tradicionais feitas com filas de pedras caiadas, onde se encontram várias pensões, pequenos hotéis e restaurantes. Acima da aldeia ergue-se um mosteiro da escola budista tibetana Nyingma. Na falésia acima do mosteiro há um chorten pintado e na saliência abaixo dele há vários outros chortens mais pequenos em pedra.

Segundo a lenda, o chorten maior foi construído pelas gentes locais quando adoeceram com lepra, seguindo o conselho de um monge local, natural de Tukuche, uma aldeia a sul de Marpha, que disse aos aldeões que construíssem um chorten e junto a eles realizassem rituais religiosos. Desde então não há lepra em Marpha e a aldeia floresceu novamente.

Um par de centenas de metros a sul da aldeia, do outro lado do rio, situa-se a gompa de Chhairo, o primeiro mosteiro Nyingma fundado em Mustang (século XVI). Junto a ele há um campo de refugiados tibetanos. Muitas das lojas de recordações para turistas da zona são de residentes desse campo.

Notas e referências[editar | editar código-fonte]

  • Este artigo foi inicialmente traduzido do artigo da Wikipédia em inglês, cujo título é «Marpha», especificamente desta versão.
  1. a b «District: Mustang. List of Settlements» (PDF). Index of Geographical names of Nepal (em inglês). National Geographic Information Infrastructure Programme. www.ngiip.gov.np. Arquivado desde o original (PDF) em 19 de dezembro de 2013. Consultado em 17 de abril de 2014. 
  2. a b «Censo de 2011» (PDF) (em inglês). Central Bureau of Statistics. cbs.gov.np. Consultado em 17 de abril de 2014. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Marpha