Moacir Gadotti

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Moacir Gadotti
Nascimento 21 de outubro de 1941 (75 anos)
Rodeio (Santa Catarina)
Nacionalidade brasileira
Ocupação educador, escritor

Moacir Gadotti (Rodeio, 21 de outubro de 1941) é educador brasileiro.

É professor titular da Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo (USP) desde 1991 e diretor do Instituto Paulo Freire em São Paulo.

Gadotti é licenciado em pedagogia e filosofia, mestre em filosofia da educação pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP), doutor em ciências da educação pela Universidade de Genebra, na Suíça, e livre docente pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp).

Possui várias publicações voltadas para a área de educação entre elas Educação e poder. (Cortez, 1988), Paulo Freire: Uma bibliografia (Cortez, 1996), Pedagogia da Terra (Petrópolis, 2000) e Educar para um Outro Mundo Possível (Publisher Brasil, 2007).

Integrou a primeira diretoria executiva da Fundação Wilson Pinheiro, fundação de apoio partidária instituída pelo Partido dos Trabalhadores em 1981 (antecessora da Fundação Perseu Abramo).

Obras[editar | editar código-fonte]

  • Pedagogia: diálogo e conflito (Cortez, 1985)
  • Educação e compromisso (Papirus, 1985)
  • Educação e poder (Cortez, 1988)
  • Marx: Transformar o mundo (FTD, 1989)
  • Histórias das idéias pedagógicas (Ática, 1993)
  • Pedagogia da práxis (Cortez, 1995)
  • Paulo Freire: Uma bibliografia (Cortez, 1996)
  • Perspectivas atuais da educação (Artmed, 2000)
  • Pedagogia da terra (Petrópolis, 2000)
  • Os mestres de Rousseau (Cortez, 2004)
  • Boniteza de um sonho: ensinar-e-aprender com sentido (WTC Editora, 2007)
  • Educar para um outro mundo possível (Publisher Brasil, 2007).