Mosteiro de Santa Maria de Cós

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Mosteiro de Santa Maria de Cozː vista da igreja e ruínas do dormitório.

O Mosteiro de Santa Maria de Cós, antigamente referido como Real Mosteiro de Santa Maria de Cós (o seu título oficial na Congregação de Alcobaça à qual pertencia), localiza-se na freguesia de União das Freguesias de Cós, Alpedriz e Montes, no concelho de Alcobaça, distrito de Leiria, em Portugal.

História[editar | editar código-fonte]

A fundação do mosteiro remonta ao início do século XIII, época em que o Mosteiro de Santa Maria de Alcobaça adquiriu propriedades em Cós. O então abade de Alcobaça, D. Fernando, fez iniciar o primitivo cenóbio, destinando-o a acolher senhoras (solteiras ou viúvas) que desejavam levar uma vida religiosa.

A igreja encontra-se classificada como Imóvel de Interesse Público pelo Decreto n.º 35.443, de 2 de janeiro de 1946.[1]

O carácter indissociável do Mosteiro de Cós e do Mosteiro de Alcobaça no contexto do concelho de Alcobaça levou a que a autarquia local e a Junta de Freguesia articulassem, em julho de 2014, um circuito turístico que os unisse, no sentido de tornar a experiência mais marcante e completa.[2]

Recentemente foi aberto um procedimento de ampliação da classificação do Mosteiro, de forma a incluir a ala (em ruínas) do antigo dormitório dito "do Cardeal", com vista à reclassificação do conjunto monástico como monumento nacional (redenominação para "Igreja e parte do antigo dormitório e restantes dependências do Mosteiro de Santa Maria de Cós").[3]

Referências

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • COCHERIL, Maur. "Les azulejos de l'abbaye cistercienne de Cós, en Estremadura". Arquivos do Centro Cultural Português, 8. Paris: Fundação Calouste Gulbenkian, 1974.
  • COCHERIL, Maur. Note sur la décoration de l'église de l'abbaye cistercienne de Santa Maria de Cós, Alcobaça: Associação para a Defesa e Valorização do Património Cultural da Região de Alcobaça, 1983.
  • COCHERIL, Maur; LEROUX, Gérard. Routier des abbayes cisterciennes du Portugal, Nouvelles édition, revue, corrigée et annotée par Gérard Leroux. Paris : Fondation Calouste Gulbenkian-Centre Culturel Portugais, 1986, p. 339-363.
  • GOMES, Saul António; SOUSA, Cristina Maria André de Pina e Sousa. Intimidade e Encanto: O Mosteiro Cisterciense de Santa Maria de Cós (Alcobaça). Leiria: Magno, 1998. ISBN 972-8345-09-7
  • MARTINHO, Ana Margarida Louro. Mosteiro de Santa Maria de Cós (Alcobaça). Contributos para a sua conservação e valorização. Leiria : 2011. {ISBN|978-989-8158-xx-x
  • PAIS, Alexandre Nobre. «A imagem de S. Bernardo em azulejo do Mosteiro de Santa Maria de Cós» in Azulejo, n.º 3/7, 1995-1999. {ISSN|0872-170X}
  • SANTOS, André Raimundo Mateus. O convento de Santa Maria de Cós, Alcobaça : uma proposta de requalificação. Tese de mestrado em Arquitetura apresentada à Faculdade de Ciências e tecnologia da Universidade de Coimbra em 2015.

Ligações Externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Mosteiro de Santa Maria de Cós
Ícone de esboço Este artigo sobre Património de Portugal é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.