O Estado Judeu

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
DE Herzl Judenstaat 01.jpg

O Estado Judeu é o livro que é considerado como o ponto de partida do movimento Sionismo. Pregava que o problema do antissemitismo só seria resolvido quando os judeus dispersos pelo mundo pudessem se reunir e se estabelecer num estado nacional independente.

Esse livro foi escrito pelo jornalista austríaco Theodor Herzl, editor literário do jornal Neue Freie Presse, em 1896. Logo após o primeiro congresso sionista, realizado em Basileia, 29 de agosto de 1897, foi criada a Organização Sionista Mundial, tendo Herzl como presidente[1].

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um livro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.