O Gafanhoto

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Uma das páginas da edição de 1910 da revista infantil O Gafanhoto

O Gafanhoto (1903-1910), foi uma das primeiras revistas portuguesas de banda desenhada para crianças.

O Gafanhoto, era uma revista para crianças, publicada em Lisboa com edição quinzenal, surgida em 1903, dirigida por Henrique Lopes de Mendonça e por Tomás Bordalo Pinheiro [1] , irmão de Raphael Bordallo Pinheiro, e que se extinguiu em 1910 com a queda da monarquia [2] . Era uma revista luxuosa que publicou muita banda desenhada estrangeira, como foi o caso de Winsor McCay, tendo a contribuição de alguns autores portugueses como Manuel Gustavo Bordalo Pinheiro, um dos filhos de Raphael Bordallo Pinheiro [3] , que foi o autor de duas histórias aos quadradinhos e algumas capas, e de Francisco Valença [4] , autor de algumas capas [5] , tendo também a participação de Alfredo Roque Gameiro e Virgínia Lopes de Mendonça [6] [1] .

O personagem homónimo tornou-se no primeiro herói da banda desenhada infantil portuguesa [7] .

Referências

  1. a b «Gafanhoto». CNCCR - Comissão Nacional para as Comemorações do Centenário da República. Consultado em 24 de maio de 2012. 
  2. Vários 1995, pp. 5
  3. «Manuel Gustavo Bordalo Pinheiro». Lambiek.net. Consultado em 24 de maio de 2012. 
  4. «Francisco Valença». Infopédia. Consultado em 24 de maio de 2012. 
  5. Vários 1995, pp. 5
  6. «Virgínia Lopes de Mendonça (1881-1969)». BNP. Consultado em 24 de maio de 2012. 
  7. Sonia M. Bibe Luyten. «Portugal: das histórias aos quadradinhos às bandas desenhadas (Parte I)». Universo HQ. Consultado em 24 de maio de 2012. 
Bibliografia
  • Vários (1995). História da BD Publicada em Portugal 1 (Costa da Caparica: Edições Época de Ouro). ISBN 972-96627-0-3.  Parâmetro desconhecido |mês= ignorado (|data=) (Ajuda)