Osvaldo Schneider

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

Osvaldo Schneider (Ilhota, 12 de agosto de 1944[1]Gaspar, 7 de maio de 2022)[2] foi um político brasileiro, filiado ao Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB).[3][4]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Conhecido como Paca, foi um dos fundadores do Movimento Democrático Brasileiro (MDB) no município catarinense de Gaspar, e o primeiro prefeito do partido ali eleito.[4] Governou Gaspar de 1973 a 1977[3] e, durante seu mandato, começaram a circular as linhas de ônibus no interior do município, que possibilitaram o trabalho na indústria ao morador do campo.[3] Neste período também foram construídos o Colégio Frei Godofredo e a Avenida das Comunidades, e implantada a biblioteca pública.[3]

Foi vítima de infarto em 7 de maio de 2022, tendo sido decretado luto de três dias no município de Gaspar.[1]

Referências

  1. a b Redação (8 de maio de 2022). «Morre aos 77 anos Osvaldo Schneider, ex-prefeito de Gaspar». Farol Blumenau. Consultado em 8 de maio de 2022 
  2. «Morre em Gaspar o ex-prefeito Osvaldo Schneider, o Paca | ND Mais». ndmais.com.br. 8 de maio de 2022. Consultado em 12 de maio de 2022 
  3. a b c d Prefeitura de Gaspar > Ex-prefeitos > Prefeito Osvaldo Schneider Acessado em 28 de março de 2017
  4. a b Cruzeiro do Vale - Troféu Osvaldo Schneider: homenagens marcam 50 anos do PMDB (09/05/2016) Acessado em 28 de março de 2017
Ícone de esboço Este artigo sobre políticos ou política de Santa Catarina é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.