Padraic Colum

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Text document with red question mark.svg
Este artigo ou secção contém fontes no fim do texto, mas que não são citadas no corpo do artigo, o que compromete a confiabilidade das informações. (desde setembro de 2011)
Por favor, melhore este artigo inserindo fontes no corpo do texto quando necessário.
Padraic Colum
Nascimento 8 de dezembro de 1881
Condado de Longford
Morte 11 de janeiro de 1972 (90 anos)
Connecticut
Cidadania República da Irlanda, Estados Unidos
Ocupação escritor, poeta, professor universitário, dramaturgo, escritor de literatura infantil
Padraic Colum.

Padraic Colum (Condado de Longford, 8 de dezembro de 1881Enfield, 11 de janeiro de 1972) foi um poeta, romancista, dramaturgo, biógrafo e pesquisador do folclore irlandês. Foi uma das figuras-chave da Renascença Céltica.

Obras escolhidas[editar | editar código-fonte]

  • (1902) The Saxon Shillin' (peça)
  • (1903) Broken Sail (peça)
  • (1905) The Land (peça)
  • (1907) Wild Earth (livro)
  • (1907) The Fiddlers' House (peça)
  • (1910) Thomas Muskerry (peça)
  • (1917) Mogu the Wanderer (peça)
  • (1918) The Children's Homer (romance)
  • (1920) Children of Odin: Nordic Gods and Heroes
  • (1921) The Golden Fleece and the Heroes Who Lived Before Achilles (romance), ilustrado por Willy Pogany
  • (1916) The King of Ireland's Son (coletânea)
  • (1923) Castle Conquer (romance)
  • (1937) The Flying Swans (romance)
  • (1937) The Story of Lowry Maen (poema épico)
  • (1929) The Strindbergian Balloon (peça)
  • (1958) Our Friend James Joyce (memórias, com Molly Colum)

Como editor:

Referências[editar | editar código-fonte]

Impressas[editar | editar código-fonte]

  • BLEILER, Everett (1948). The Checklist of Fantastic Literature. Chicago: Shasta Publishers. 82 páginas 
  • IGOE, Vivien. A Literary Guide to Dublin. ISBN 0-413-69120-9

Online[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) escritor(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.