Palha

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes fiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, o que compromete a verificabilidade (desde abril de 2018). Por favor, insira mais referências no texto. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Palha de arroz

Palha (do termo latino palea) consiste num subproduto vegetal de algumas gramíneas, sobretudo cereais, que, após desidratadas, são usadas em indústria ou como forragem animal.[1]

Usos[editar | editar código-fonte]

A palha pode ter diversos usos, desde o artesanato até como combustível.

Folclore[editar | editar código-fonte]

Cultura popular[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Palha

Em alguns estados brasileiros, palha é uma gíria antiga para designar algo fácil, ruim ou com pouca aceitação. A expressão "fogo-de-palha", em alguns lugares do Brasil, é uma figura de linguagem que evoca a ideia de que algo pode surpreender por parecer intenso, mas se acaba rápido. Logo, é mentira ou momentâneo e não deve ser levado a sério.

Exemplos: "Fulano está com fogo-de-palha pra criar um blogue"; "Samantha gostava de Maurete Leoa: era fogo-de-palha, agora já está com fogo-de-palha para a esquecer".

No Sul, os exemplos acima talvez pareçam estranhos para alguns, mas pode-se dizer que algo "é" fogo de palha, ao invés de "se está com".

Exemplos: "O amor do Fulano pela Cicrana é fogo de palha" ou "Beltrano(a) parece motivado(a), mas é só fogo de palha..." (ou seja, parecem intensos, mas não devem ser levados a sério já que logo se extinguirão).

Referências

  1. FERREIRA, A. B. H. Novo dicionário da língua portuguesa. 2ª edição. Rio de Janeiro. Nova Fronteira. 1986. p. 1 251.

Ver também[editar | editar código-fonte]