Perseguição de Judeus

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

A perseguição do povo judeu tem sido uma parte importante da história judaica, provocando a mudança de ondas de refugiados em todas as comunidades da diáspora.

Selêucidas[editar | editar código-fonte]

Quando a Judeia caiu sob a autoridade do Império Selêucida, o processo de helenização foi imposto por lei.[1] Isso efetivamente significava exigir prática religiosa pagã.[2] Em 167 AEC o sacrifício dos judeus era proibido, os sábados e festas eram proibidos e a circuncisão era proibida. Altares a deuses gregos foram criados e animais proibidos a judeus foram sacrificados neles. O Zeus Olímpico foi colocado no altar do Templo. A posse de escrituras judaicas foi considerada uma ofensa capital.

Nazismo[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: O Holocausto

A perseguição aos judeus atingiu a sua forma mais destrutiva nas políticas da Alemanha nazista, que fez da destruição dos judeus uma prioridade, culminando na morte de aproximadamente 6.000.000 de judeus durante o Holocausto de 1941 a 1945.[3] Originalmente, os nazistas usavam esquadrões da morte, os Einsatzgruppen, para realizar massivos assassinatos ao ar livre de judeus no território que conquistaram. Em 1942, a liderança nazista decidiu implementar a Solução Final, o genocídio dos judeus da Europa e aumentar o ritmo do Holocausto, estabelecendo campos de extermínio especificamente para matar judeus, bem como outros indesejáveis, como pessoas que se opunham abertamente a Hitler.[4][5]

Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.

Referências

  1. VanderKam, James C. (2001). Eerdmans, ed. An Introduction to Early Judaism. Grand Rapids, Mich.: [s.n.] pp. 18–24. ISBN 0-8028-4641-6 
  2. [1][2][ligação inativa]
  3. Dawidowicz, Lucy. The War Against the Jews, Bantam, 1986.p. 403
  4. Manvell, Roger Goering New York:1972 Ballantine Books – War Leader Book #8 Ballantine's Illustrated History of the Violent Century
  5. «Ukrainian mass Jewish grave found». BBC News. 5 de junho de 2007. Consultado em 22 de novembro de 2011