Pi Pupídeos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

O fenômeno dos Pi Pupídeos, por vezes referido apenas como Pupídeos ou Pupidas,[1] consiste numa chuva de meteoros cujo radiante está localizado próximo da estrela π Puppis na constelação da Popa.[1]

Observação[editar | editar código-fonte]

Associado ao cometa periódico 26P/Grigg-Skjellerup, apresenta atividade máxima em 23-24 de abril [1] [2] [3] e pode ser observado entre os dias 15 e 28 de abril. [4] É uma chuva tipicamente exígua, cuja taxa horária zenital não ultrapassa os 40 meteoros [1] mesmo nos anos coincidentes com a passagem do 26P/Grigg-Skjellerup pelo periélio, que ocorre de cinco em cinco anos, e irregular, com longos intervalos sem apresentar qualquer atividade. [3]

Referências

  1. a b c d Ronaldo Rogério de Freitas Mourão (1987). Dicionário Enciclopédico de Astronomia e Astronáutica. vide verbetes «Pi Pupídeos», «Pupídeos» e «Pupidas» (Rio de Janeiro: Editora Nova Fronteira). p. 655. 
  2. «IMO Meteor Shower Calendar 2011» (em inglês). International Meteor Organization. Consultado em 15 de abril de 2011. 
  3. a b Gary W Kronk (2014). «April Meteor Showers». Meteor showers. an annotated catalog. Patrick Moore's practical astronomy (em inglês) (Nova Iorque: Springer). p. 78-80. OCLC 862151003. Consultado em 25 de outubro de 2015. 
  4. «Chuvas de meteoros em abril». Consultado em 15 de abril de 2011. 
Ícone de esboço Este artigo sobre astronomia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.