Planejamento financeiro

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Planejamento financeiro (português brasileiro) ou Planeamento financeiro (português europeu) é uma ferramenta de administração financeira que consiste no processo de organização financeira realizado através do reconhecimento da situação financeira atual, junto com a determinação dos objetivos onde se quer chegar, e o estudo de possíveis caminhos a serem utilizados para alcançar esses objetivos.[1]

O planejamento financeiro é usado para pessoas físicas e jurídicas, privadas e públicas.

No início dos anos 1970,[2] foi criada uma organização nos Estados Unidos, hoje chamada Certified Financial Planner Board of Standards[3] que estabeleceu o processo de planejamento financeiro pessoal, o planejamento financeiro para pessoa física, como sendo o ato de coletar informações relevantes, determinar objetivos, analisar os dados disponíveis (o que inclui a elaboração do fluxo de caixa e do orçamento pessoal), determinar as estratégias possíveis de serem utilizadas para alcançar os objetivos desejados, fazer a implementação e o acompanhamento constante da evolução das estratégias, e realizar ajustes nas estratégias sempre que necessário, principalmente quando for identificado um desvio de rota. O resultado deste trabalho é apresentado em um plano financeiro.[4]

O planejamento financeiro proporciona direcionamento e significação às decisões financeiras, permitindo a visão global das finanças pessoais e a compreensão de como cada decisão financeira afeta outras áreas da vida financeira, ajudando assim a pessoa que passa pelo processo de planejamento financeiro pessoal a ter consciência de seus atos e desenvolver a disciplina necessária para atingir seus objetivos.[5]

A elaboração de um planejamento financeiro pessoal completo exige conhecimentos sobre investimentos financeiros, gestão de riscos, seguros, previdência, tributação, sucessão, ética e planejamento financeiro.[6]

O Insper, Instituto de Ensino e Pesquisa, foi a primeira escola de negócios dentre as mais renomadas do Brasil, a oferecer um curso de educação executiva em planejamento financeiro.[7][8]

Plano financeiro[editar | editar código-fonte]

O plano financeiro é o resultado final do trabalho de planejamento financeiro, nele são apresentadas todas as informações relevantes levantadas durante todo o processo de planejamento financeiro, o fluxo de caixa, o orçamento e o balanço patrimonial elaborados para a análise dos dados, as estratégias desenvolvidas, e a agenda de implantação e revisões periódicas do plano.[9]

O plano financeiro é a ferramenta que de fato permite acompanhar e mensurar a evolução do trabalho de planejamento financeiro ao longo do tempo e avaliar se a pessoa está ou não tendo sucesso na execução de seu planejamento financeiro.[10]

O IBCPF promove anualmente um workshop com o intuito de proporcionar aos participantes a oportunidade de elaborar um plano financeiro completo, a partir de um estudo de caso fictício.[11]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Financial Planning Standards Board. «Learn about financial planning». Consultado em 26 de fevereiro de 2014 
  2. Financial Planning Association. «History of the profession». Consultado em 1 de março de 2014 
  3. Certified Financial Planner Board of Standards. «CFP Board's early days». Consultado em 1 de março de 2014 
  4. IBCPF. «O processo de Planejamento Financeiro». Consultado em 26 de fevereiro de 2014 
  5. Financial Planning Standards Board. «About financial planning». Consultado em 2 de março de 2014 
  6. IBCPF. «A Certificação dos 4 E's». Consultado em 2 de março de 2014 
  7. Insper. «Educação Executiva - Portfólio de Cursos». Consultado em 2 de março de 2014 
  8. Insper. «Educação Executiva - Cursos de curta duração - Planejamento Financeiro». Consultado em 2 de março de 2014 
  9. Instituto Brasileiro de Certificação de Profissionais Financeiros. «O processo de Planejamento Financeiro». Consultado em 26 de fevereiro de 2014 
  10. Financial Planning Standards Board. «About financial planning». Consultado em 1 de março de 2014 
  11. Valor Econômico. «Planejador financeiro deve agir com ética e transparência». Consultado em 1 de março de 2014 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]