Players Championship de 2019 (snooker)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Coral Players Championship
Informação do torneio
Datas 4–10 de março
Local Preston Guild Hall
Cidade Preston
País Inglaterra
Organização World Snooker
Formato Evento do ranking
Prêmio total £ 380 000
Parte do vencedor £ 125 000
Break máximo 140 (Neil Robertson)
Final
Campeão Ronnie O'Sullivan
Segundo lugar Neil Robertson
Pontuação 10–4
2018
2020

O Players Championship de 2019, também conhecido oficialmente como Coral Players Championship de 2019 por conta do patrocínio, foi um torneio profissional de snooker que ocorreu de 4 a 10 de março de 2019 em Preston, na Inglaterra.[1][2] Foi o décimo sexto evento do ranking da temporada de 2018–19 e fez parte da recém-criada Coral Cup.[3]

O inglês Ronnie O'Sullivan defendeu com sucesso seu título da edição de 2018 e derrotou o australiano Neil Robertson por 10–4 na final.[4] Este foi o 35º título do ranking de O'Sullivan, que ficou a uma conquista do recordista de títulos, o escocês Stephen Hendry, detentor de 36 torneios do ranking.[5] O'Sullivan fez três centuries (break de mais de 100 pontos) durante a final, incluindo um no frame que lhe garantiu a conquista; este foi o milésimo century break do inglês, tornando-se o primeiro jogador a atingir essa marca.[6]

Visão geral[editar | editar código-fonte]

Informações do torneio[editar | editar código-fonte]

O Coral Players Championship de 2019 foi um torneio profissional de snooker realizado no Guild Hall (teatro e local de concertos) em Preston, Inglaterra, entre 4 a 10 de março de 2019.[2] O torneio foi a 3ª edição desde que o evento foi renomeado de Players Tour Championship para Players Championship na temporada de 2016–17, o 16º evento do calendário do ranking da temporada de snooker de 2018–19 e o segundo torneio da Coral Cup, série de três eventos patrocinados pela Coral.[1]

Formato[editar | editar código-fonte]

Os jogos do Players Championship foram disputados da seguinte maneira:[2]

  • Rodada 1: Melhor de 11 frames, até um ganhar seis (de 6–0 a possíveis 6–5)
  • Quartas de final: Melhor de 11 frames, até um ganhar seis (de 6–0 a possíveis 6–5)
  • Semifinal: Melhor de 11 frames, até um ganhar seis (de 6–0 a possíveis 6–5)
  • Final: Melhor de 19 frames, é campeão o primeiro a chegar a dez (de 10–0 a possíveis 10–9)

Participantes[editar | editar código-fonte]

O evento foi reservado para os 16 melhores colocados no ranking de um ano, uma lista de classificação onde foram computados os valores recebidos pelos jogadores em eventos já realizados do ranking na temporada de 2018–19, indo do Riga Masters de 2018 até o Shoot Out de 2019.[7]

Pos. 000000Jogador000000 Pontos em £
1 Irlanda do Norte Mark Allen 364 000
2 Inglaterra Judd Trump 277 000
3 Austrália Neil Robertson 255 500
4 Inglaterra Mark Selby 236 500
5 Inglaterra Ronnie O'Sullivan 228 500
6 País de Gales Mark Williams 208 500
7 Inglaterra Kyren Wilson 177 500
8 Inglaterra David Gilbert 170 000
Pos. 000000Jogador000000 Pontos em £
9 Inglaterra Stuart Bingham 167 000
10 Inglaterra Jack Lisowski 138 000
11 Inglaterra Ali Carter 113 000
12 Inglaterra Barry Hawkins 112 000
13 Escócia John Higgins 111 000
14 Inglaterra Joe Perry 107 500
15 Inglaterra Jimmy Robertson 107 225
16 Escócia Stephen Maguire 105 500

Premiação[editar | editar código-fonte]

A distribuição dos prêmios para esta edição do Players Championship foi a seguinte:[8]

Posição Prêmio
Campeão 125 000 libras esterlinas
Vice-campeão 050 000 libras esterlinas
3–4 (perdedores das semifinais) 030 000 libras esterlinas
5–8 (perdedores das quartas de final) 015 000 libras esterlinas
9–16 (perdedores da rodada 1) 010 000 libras esterlinas
Maior break 005 000 libras esterlinas
Total 380 000 libras esterlinas

Resultados[editar | editar código-fonte]

Rodada 1[editar | editar código-fonte]

4 de março de 2019
Jogador 1 Resultado Jogador 2
Mark Allen Irlanda do Norte 6–2 Escócia Stephen Maguire
Ronnie O'Sullivan Inglaterra 6–4 Inglaterra Barry Hawkins
5 de março de 2019
Jogador 1 Resultado Jogador 2
Mark Williams País de Gales 6–2 Inglaterra Ali Carter
Neil Robertson Austrália 6–3 Inglaterra Joe Perry
Judd Trump Inglaterra 6–0 Inglaterra Jimmy Robertson
Kyren Wilson Inglaterra 4–6 Inglaterra Jack Lisowski
6 de março de 2019
Jogador 1 Resultado Jogador 2
Mark Selby Inglaterra 4–6 Escócia John Higgins
David Gilbert Inglaterra 4–6 Inglaterra Stuart Bingham

Quartas de final[editar | editar código-fonte]

6 de março de 2019
Jogador 1 Resultado Jogador 2
Inglaterra Jack Lisowski 5–6 Inglaterra Judd Trump
7 de março de 2019
Jogador 1 Resultado Jogador 2
Neil Robertson Austrália 6–4 País de Gales Mark Williams
Mark Allen Irlanda do Norte 6–4 Inglaterra Stuart Bingham
8 de março de 2019
Jogador 1 Resultado Jogador 2
Ronnie O'Sullivan Inglaterra 6–4 Escócia John Higgins

Semifinal[editar | editar código-fonte]

8 de março de 2019
Jogador 1 Resultado Jogador 2
Neil Robertson Austrália 6–4 Inglaterra Judd Trump
9 de março de 2019
Jogador 1 Resultado Jogador 2
Mark Allen 0–6 Inglaterra Ronnie O'Sullivan

Final[editar | editar código-fonte]

Final: Melhor de 19 frames. Árbitro: Malta Terry Camilleri
Preston Guild Hall, Preston, Inglaterra, 10 de março de 2019.
Ronnie O'Sullivan
 Inglaterra
10–4 Neil Robertson
 Austrália
Sessão 1: 73–1 (67), 118–0 (66, 52), 70–9 (70), 90–25 (65), 50–71 (O'Sullivan 50, Robertson 65), 116–7 (116), 71–14 (56), 29–78 (78), 105–6 (105)
Sessão 2: 0–120 (120), 90–5 (90), 0–71, 80–24, 134–7 (134)
Relatório WST
134 Break máximo 120
3 Century breaks (+100) 1
11 Breaks de +50 3

Century breaks[editar | editar código-fonte]

Um total de 24 century breaks foram feitos no evento:[9]

Break Jogador
140 – 120 – 107 – 101 Austrália Neil Robertson
134 – 116 – 116 – 106 – 105 – 101 Inglaterra Ronnie O'Sullivan
131 – 118 País de Gales Mark Williams
121 Inglaterra Mark Selby
Break Jogador
121 – 110 Inglaterra Jack Lisowski
115 – 113 – 106 – 105 – 104 – 100 Inglaterra Judd Trump
110 – 104 Inglaterra Barry Hawkins
108 Irlanda do Norte Mark Allen

Notas e referências

Notas

Referências

  1. a b «2018/19 Calendar» (PDF). World Professional Billiards and Snooker Association. 18 de julho de 2018. Consultado em 1 de março de 2020. Cópia arquivada (PDF) em 23 de maio de 2018 
  2. a b c d «Results (Players Championship 2019) - snooker.org». www.snooker.org. Consultado em 1 de março de 2020 
  3. «Coral To Sponsor New Snooker Series». worldsnooker.com. World Professional Billiards and Snooker Association. 21 de novembro de 2018. Consultado em 1 de março de 2020. Cópia arquivada em 22 de novembro de 2018 
  4. «O'Sullivan Beats Murphy To Equal Titles Record». worldsnooker.com. World Professional Billiards and Snooker Association. 25 de março de 2018. Consultado em 1 de março de 2020. Cópia arquivada em 28 de setembro de 2018 
  5. «Rocket Makes 1,00th Century to Seal Title». worldsnooker.com. World Professional Billiards and Snooker Association. 10 de março de 2019. Consultado em 1 de março de 2020 
  6. «Ronnie O'Sullivan reaches 1000 Career Centuries and Wins Players Championship». BBC Sport. 10 de março de 2019. Consultado em 1 de março de 2020 
  7. «1 Year Ranking List - World Snooker». World Snooker. 25 de fevereiro de 2019. Consultado em 1 de março de 2020. Cópia arquivada em 7 de fevereiro de 2017 
  8. «Indicative Prize Money Rankings Schedule 2018/2019 Season» (PDF). worldsnooker.com. World Professional Billiards and Snooker Association. 18 de julho de 2018. Consultado em 1 de março de 2020. Cópia arquivada (PDF) em 19 de julho de 2018 
  9. «Centuries | World Snooker Live Scores». livescores.worldsnookerdata.com. Consultado em 24 de fevereiro de 2020. Cópia arquivada em 13 de março de 2019