Igreja Presbiteriana nos Estados Unidos da América

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

A Igreja Presbiteriana nos Estados Unidos da América ( em inglês Presbyterian Church in the United States of America - PCUSA) foi a maior igreja presbiteriana em todos os Estados Unidos até 1861. Neste ano, devido a Guerra de Secessão, as igrejas do sul se separaram para formar a Igreja Presbiteriana nos Estados Unidos (em inglês Presbyterian Church in the United States). [1]

Em 1958 ela se uniu à Igreja Presbiteriana Unida da América do Norte, para formar a Igreja Presbiteriana Unida nos Estados Unidos da América. Esta, por suas vez, uniu-se à Igreja Presbiteriana nos Estados Unidos em 1983. Da união, foi formada a Igreja Presbiteriana (EUA) (Presbyterian Church (USA)), a atual maior denominação presbiteriana nos Estados Unidos.[2][3]

Ícone de esboço Este artigo sobre religião é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.

Referências

  1. Longfield, Bradley J. (2013). Presbiterianos e a cultura americana. Louisville, Kentucky: Johh Knox Press. ISBN 9780664231569. Consultado em 22 de maio de 2021 
  2. «História do Presbiterianismo nos Estados Unidos». Enciclopédia Britânica. Consultado em 22 de maio de 2021 
  3. «História da Igreja Presbiteriana (EUA)». Consultado em 22 de maio de 2021