Qusay Hussein

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Qusay Hussein
Nome completo Qusay Saddam Hussein al-Tikriti
Nascimento 16 de maio de 1966
Bagdá, Iraque
Morte 22 de julho de 2003 (37 anos)
Mosul, Iraque
Nacionalidade Iraquiano Iraque
Parentesco Filho de Saddam Hussein
Irmão de Uday Hussein
Foto do corpo de Qusay Hussein após sua morte em 2003. Muitos iraquianos estavam céticos sobre a notícia da morte de Qusay pelo governo dos EUA, então eles divulgaram as fotos dos cadáveres de Qusay Hussein e de seu irmão Uday Hussein, e então permitiram que o conselho de governo do Iraque identificasse os corpos dos irmãos.

Qusay Saddam Hussein al-Tikrit (língua árabe, قصي صدام حسي) (ou Qusai) (17 de maio de 196622 de julho de 2003) era filho de Saddam Hussein e Sajida Khairallah. Foi morto junto com seu irmão, Uday Hussein, durante a invasão estadunidense ao Iraque em 2003.

O irmão mais velho de Qusay, Uday Hussein, era visto como herdeiro de Saddam até sofrer ferimentos graves em uma tentativa de assassinato em 1996. Ao contrário de Uday, que era conhecido pela extravagância e comportamento errático e violento, Qusay Hussein mantinha a discrição. Ele era casado com a filha de um oficial do alto escalão militar e possuiam três filhos;[1] Um dos filhos, Mustapha Hussein, (nascido em 3 de janeiro de 1989 em Tikrit), foi morto ao lado de seu pai em um tiroteio com tropas dos EUA. Os outros dois são presumidos vivos, mas seus paradeiros são desconhecidos.[2]

Qusay era considerado o responsável pelas forças de segurança interna, talvez o serviço de inteligência iraquiano (SSO), e também tinha alguma autoridade sobre a Guarda Republicana e outras unidades militares iraquianas.

Referências

Ligações Externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um político é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.