Ray-Güde Mertin

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

Ray-Güde Mertin, (Marburgo, 19 de julho de 1943 - Frankfurt, 13 de janeiro de 2007), foi uma professora, tradutora e agente literária alemã, responsavel pela divulgação de muitos autores portugueses, brasileiros, lusófonos e hispano-americanos no mercado de lingua alemã.

Durante oito anos, entre 1969 a 1977, foi professora de Lingua e Literatura Alemã na USP e na UNICAMP, ao mesmo tempo que se inteirava da literatura em lingua portuguesa.

Em 1982, voltando para a Alemanha, criou uma agência literária em Bad Homburg, próximo a Frankfurt, onde representava mais de cem autores. Lecionava desde 1984, Literatura Brasileira na Universidade de Frankfurt. Sua tese de doutorado foi sobre a obra de Ariano Suassuna.

Traduziu diversos livros para o idioma alemão, como Essa Terra, de Antônio Torres, Perto do Coração Selvagem, de Clarice Lispector, Um Brasileiro em Berlim, de João Ubaldo Ribeiro, e Não Verás País Nenhum, de Ignácio de Loyola Brandão. Entre seus agenciados, o mais famoso certamente é o ganhador do Prêmio Nobel de Literatura de 1998, o português José Saramago.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Bibliographie der brasilianischen Literatur : Prosa, Lyrik, Essay und Drama in deutscher Übersetzung, Klaus Küpper in Zusammenarbeit mit Ray-Güde Mertin. - Frankfurt am Main : TFM Ferrer de Mesquita, 1994. ISBN 3925203400
  • Literatur aus Brasilien : übersetzte lieferbare Bücher, Klaus Küpper in Zusammenarbeit mit Ray-Güde Mertin. - Frankfurt am Main : TFM Ferrer de Mesquita, 1994, ISBN 3925203397

Ligações externas[editar | editar código-fonte]