Rebelião tuaregue (1916-1917)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Revolta Kaocen
Parte da(o) Rebeliões Tuaregues e Primeira Guerra Mundial (simultâneo)
Touaregs uit de Sahara.jpg
Guerreiros tuaregues, fotografados em 1906
Data 1916–1917
Local norte do Niger
Desfecho rebelião derrotada
Combatentes
Flag of France.svg Autoridade colonial francesa guerrilhas tuaregues


A rebelião tuaregue de 1916-1917 ou Revolta de Kaocen foi uma insurreição armada contra o governo colonial francês ocorrida nas Montanhas de Aïr no atual norte do Níger.

Conflito[editar | editar código-fonte]

A revolta foi liderada por Ag Mohammed Wau Teguidda Kaocen (1880-1919), membro da ordem sufista anti-francesa Sanusiya. Kaocen foi o Amenokal (chefe) da confederação tuaregue Ikazkazan. Desde 1909, Kaocen participou em diversas batalhas contra as forças coloniais, a maioria de pouca importância. Quando o líder de sua ordem, declarou uma jihad contra os franceses em outubro de 1914 na cidade oásis de Kufra Fezzan (Líbia), Kaocen comandou suas forças. O sultão Tagama de Agadez permaneceu leal aos europeus e com o apoio destes consegue submeter a revolta.

Kaocen e seu irmão Mokhtar Kodogo lideraram uma força de mil homens armados com rifles de repetição e uma pistola roubadas dos italianos, sitiaram Agadez a partir de 17 de novembro de 1916 e derrotaram várias colunas inimigas enviadas em seu auxílio. Eles tomaram todas as grandes cidades de Air, incluindo Ingall, Assodé e Aouderase, e dominaram a região por mais de três meses. Mas em 3 de março de 1917, uma coluna enviada de Zinder libertou Agadez do seu sítio e dedicou-se a atacar o povo que deu proteção aos insurgentes, prendendo qualquer pessoa suspeita de proteger-los e executando 130.

Kaocen fugiu para o norte, mas foi enforcado em março de 1919 em Murzuk. Seu irmão foi morto por forças francesas em 1920, quando uma revolta que conduziu entre os Tubus e Fulanis no Sultanato de Damagaram foi derrotada.

Referências

  • Samuel Decalo. Historical Dictionary of Niger. Scarecrow Press, London and New Jersey (1979). ISBN 0-8108-1229-0
  • Jolijn Geels. Niger. Bradt London and Globe Pequot New York (2006). ISBN 1-84162-152-8.
  • J. D. Fage, Roland Anthony Oliver. The Cambridge History of Africa. Cambridge University Press (1975), p199. ISBN
  • Kimba Idrissa. "The Kawousan War reconsidered" (online excerpts, retrieved 2009-03-09) in Rethinking Resistance: Revolt and Violence in African History, Jon Abbink, Mirjam de Bruijn and Klaus van Walraven (eds), Leiden and Boston: Brill Academic Publishers, 2003, 191-217

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Finn Fuglestad. "Les révoltes des Touaregs du Niger (1916-1917)". In Cahiers d'études africaines - 049, pp. 82-121, Paris, Mouton - Ecole des hautes études en sciences sociales (1973).
  • Ali Salifou, "Kawousan ou la révolte sénoussiste", Études nigériennes n° 33 (Niamey, 1973)