Rick Carey

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Rick Carey
Swimming pictogram.svg Natação Swimming pictogram.svg
Nome completo Richard John Carey
Estilo 100m e 200m costas e 4x100m medley)
Nascimento 13 de março de 1963 (54 anos)
Mount Kisco, Nova Iorque
Nacionalidade  Estados Unidos
Compleição Peso: 82 kg Altura: 1,83m
Medalhas
Jogos Olímpicos
Ouro Los Angeles 1984 100 metros costas
Ouro Los Angeles 1984 200 metros costas
Ouro Los Angeles 1984 4x100 metros medley
Campeonatos Mundiais
Ouro Guayaquil 1982 200 metros costas
Ouro Guayaquil 1982 4x100 metros medley
Prata Guayaquil 1982 100 metros costas
Jogos Pan-Americanos
Ouro Caracas 1983 100 metros costas
Ouro Caracas 1983 200 metros costas
Ouro Caracas 1983 4x100 metros medley

Richard "Rick" John Carey (Mount Kisco, 13 de março de 1963) é um nadador dos Estados Unidos, ganhador de três medalhas de ouro em Jogos Olímpicos.[1]

Carey faria sua estréia internacional nas Olimpíadas de Moscou em 1980, mas teve que se retirar quando a equipe americana boicotou os Jogos devido à invasão soviética do Afeganistão. Em 1981, Carey foi o campeão americano tanto nos 100 m quanto nos 200 metros costas, estabelecendo um novo recorde nacional na segunda, depois de se mudar para a Universidade do Texas em Austin, para treinar com Eddie Reese. Em 1982, ele obteve ouros nos 200 m costas e revezamento 4x100 metros medley e prata nos 100m costas no Campeonato Mundial em Guayaquil, Equador.

Em 1983, Carey estabeleceu recordes mundiais de 55s38 nos 100m e 1m58s93 nos 200 metros costas, quebrando marcas definidas em 1976 por John Naber. No Jogos Pan-Americanos daquele ano, em Caracas, Venezuela, ele baixou o recorde dos 100 m para 55s19, e também venceu a prova de 200m, além de quebrar o recorde mundial no revezamento 4x100m medley, juntamente com Steve Lundquist, Gribble Matt e Rowdy Gaines, todos os quais foram recordistas mundiais em suas respectivas disciplinas.

Nos Jogos Olímpicos de Los Angeles em 1984, venceu ambas as provas de costas e novamente fez parte da equipe vencedora do revezamento medley. Carey criou uma pequena polêmica após a sua vitória nos 200m, quando, apesar de ganhar o ouro olímpico, ele ficou visivelmente infeliz por não ter quebrado seu próprio recorde mundial. Mais tarde, ele pediu desculpas e respondeu muito mais positivamente ao vencer os 100m, apesar de que também não ter batido seu próprio recorde mundial. Ele continuou a ganhar eventos a nível nacional, e se aposentou em 1986.

Ele quebrou nove recordes mundiais, cinco individualmente. Foi recordista mundial dos 100 metros costas entre 1983 e 1988, e dos 200 metros costas entre 1983 e 1984.

Foi eleito "Nadador do Ano" pela revista Swimming World Magazine em 1983. Atualmente trabalha para o Barclays Bank, em Londres.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) nadador(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.