Rio Rufiji

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
SelousSandRivers.jpg

O Rio Rufiji é um rio da África Oriental que flui inteiramente na Tanzânia[1].

O rio se forma pela confluênciados rios Kilombero e Luwegu com suas fontes no sudoeste da Tanzânia, desembocando no Oceano Índico perto da ilha de Mafia. Banha uma ampla bacia de 204.780 km² e seu delta abriga um manguezal de 500 km². Com uma vazão de 800 metros cúbicos por segundo, suas margens férteis são usadas para o plantio de arroz e milho[2][3].

Referências

  1. Source book for the inland fishery resources of Africa, Vol. 1., de J.P. Vanden Bossche y G.M. Bernacsek, Publicação da FAO, ISBN 92-5-102984-9. Disponível em: Source book for the inland fishery resources of Africa (em inglês)
  2. DUVAIL,Stéphanie; HAMERLYNCK, Olivier. The Rufiji River flood: plague or blessing?. International Journal of Biometeorology. October 2007, Volume 52, Issue 1, pp 33-42 (em inglês)
  3. "Downstream and Coastal Impacts of Damming and Water Abstraction in Africa", Environmental Management, authored by Maria Snoussi, Johnson Kitheka, Yohanna Shaghude, Alioune Kane, Russell Arthurton, Martin Le Tissier, and Hassan Virji, 2007, volume 39, page 589 (em inglês)

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Rio Rufiji
  • Chami, F. A. 1999. «The Early Iron Age on Mafia island and its relationship with the mainland». Azania Vol. XXXIV 1999, pp. 1-10.
  • Chami, Felix A. 2002. «The Graeco-Romans and Paanchea/Azania: sailing in the Erythraean Sea», de Red Sea Trade and Travel. The British Museum. Sunday 6 October 2002. Organised by The Society for Arabian Studies. [1]
  • Miller, J. Innes. 1969. Chapter 8: «The Cinnamon Route», en The Spice Trade of the Roman Empire. Oxford: University Press. ISBN 0-19-814264-1
  • Ray, Himanshu Prabha, ed. 1999. Archaeology of Seafaring: The Indian Ocean in the Ancient Period. Pragati Publications, Delhi.