Robert Scholl

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Robert Scholl
Prefeito de Ulm Coat of arms of Ulm.svg
Período 1945
até 1948
Sucessor(a) Theodor Pfizer
Prefeito de Forchtenberg DEU Forchtenberg COA.svg
Período 1920
até 1930
Antecessor(a) Hermann Hörer
Sucessor(a) Friedrich Kramer
Prefeito de Ingersheim Wappen Ingersheim-Altenmuenster.svg
Período 1917
até 1920
Dados pessoais
Nascimento 13 de abril de 1891
Mainhardt, Império Alemão
Morte 25 de outubro de 1973 (82 anos)
Estugarda, Alemanha Ocidental]
Cônjuge Magdalena Scholl
Partido GVP

Robert Scholl (Mainhardt, 13 de abril de 1891 - Estugarda, 25 de outubro de 1973) foi um político alemão. Era pai da escritora Inge Scholl, e de Sophie Scholl e Hans Scholl, membros da resistência alemã que foram condenados à morte em 1943 por participarem do grupo Rosa Branca.

Foi adepto do modelo político da democracia liberal.[1]

Referências

  1. Hannes Hartleitner, Giselher Technau. «Robert Scholl, Mayor in Ingersheim-Altenmünster from 1917 to 1919». weisse-rose-crailsheim. Consultado em 27 de novembro de 2012