Rua do Carmo (Lisboa)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Rua do Carmo
Rua do Carmo, Lisbon, Portugal (01).JPG
'


Freguesia(s): Santa Maria Maior
Lugar, Bairro: Baixa Pombalina
Início: Rua Nova do Almada
Término: Rua 1.º de Dezembro
Comprimento: 200 m
Abertura: 1904
Nomeação: 5 de novembro de 1910
Homenageado(s): Nossa Senhora do Carmo
Designação anterior: Rua Nova do Carmo
Coordenadas: 38° 42′ 43,04″ N, 9° 08′ 22,72″ O
RuaCarmo.JPG
Rua do Carmo vista do passadiço do Elevador de Santa Justa.
Toponímia de Lisboa

A Rua do Carmo fica situada na Baixa lisboeta, Lisboa, Portugal. Começa no cruzamento da Rua Garrett com a Rua Nova do Almada e termina no largo D. Pedro IV, dito Rossio. É uma artéria relativamente pequena mas de grande importância comercial, devido à proximidade de zonas como a Baixa, o Chiado e o Bairro Alto. Conta com lojas de marcas internacionais e com algumas outras, tradicionais e muito antigas. Depois do Incêndio do Chiado de 1988 a rua passou por um período de decadência; mas tem vindo a revitalizar-se desde a reabertura dos antigos Armazéns do Chiado, sob a forma de um moderno centro comercial, e hoje é uma das principais ruas comerciais de Lisboa.

No início da década de 1980, a banda portuguesa de rock UHF compôs um tema chamado "Rua do Carmo",[1] que foi um grande sucesso na rádio, e descreve a artéria antes do incêndio. Tornou-se uma das canções mais familiares da memória pública.[2]

Referências

  1. «Rua do Carmo (single)». Discogs. Consultado em 9 de março de 2016 
  2. D.P. (19 de setembro de 2009). «UHF regressam à rua que um dia lhes trouxe fortuna». Diário de Notícias. Consultado em 9 de março de 2016 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Arruamentos, integrado no Projecto Grande Lisboa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.