SKY (universidades)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

SKY é um acrônimo usado para se referir as três universidades mais prestigiadas e concorridas da Coreia do Sul: Universidade Nacional de Seul, Universidade da Coreia e Universidade Yonsei.[1] O termo é amplamente utilizado na Coreia do Sul, tanto pela mídia, como pelas próprias universidades.[2][3]

Na mais recente classificação internacional das universidades duas das universidades SKY foram consideradas entre as 100 melhores do mundo: Universidade Nacional de Seul (35) e Universidade da Coreia (98).[4] Na Coreia do Sul, a admissão em uma das universidades SKY é amplamente considerada como determinante da carreira e status social.[5][1] Na verdade, muitos dos políticos, advogados, médicos, engenheiros e professores mais influentes da Coréia do Sul se formaram em uma das universidades SKY.

Membros[editar | editar código-fonte]

Instituição Tipo Estabelecimento Apelido Matrículas na graduação Matrículas na pós-graduação Lema
Universidade Nacional de Seul Nacional 1946 Gwanak Cranes 16.712 (2013)[6] 11.299 (2013)[6] Veritas lux mea
A verdade é a minha luz
em coreano: 진리는 나의 빛
Universidade da Coreia Privada 1905 Anam Tigers 25.399 (2011)[7] 9.896 (2011)[7] Libertas, Justitia, Veritas
Liberdade, Justiça, Verdade
em coreano: 자유, 정의, 진리
Universidade Yonsei Privada 1885 Sinchon Eagles 21.480 (2011)[8] 6.668 (2011)[8] A verdade vos libertará
(João 8:32)
em coreano: 진리가 너희를 자유케 하리라
(요한복음 8:32)

História[editar | editar código-fonte]

  • 1924: a sede e departamentos preparatórios da Universidade Imperial Keijō foram fundados pelo Japão. Esta universidade é a principal antecessora da Universidade Nacional de Seul.
  • 1926: Três departamentos (Direito, Ciências Médicas e Ciências Humanas) da Universidade Imperial Keijō foram abertos pelo Japão. Estas foram as primeiras aulas de universidade moderna na Coreia. Esta instituição foi a única universidade na Coreia durante o período da ocupação japonesa. O governo japonês não aprovou o establecimento de nenhuma universidade, exceto a Universidade Imperial Keijō.
  • 1946: Estabelecimento como universidade após a independência.
  • Agosto de 1946: a Universidade Nacinal de Seul foi fundada por fusão de várias instituições japonesas - incluindo a Universidade Imperial Keijō - de ensino superior em torno de Seul.
  • Agosto de 1946: a Faculdade Bosung foi renomeada para Universidade da Coreia.
  • Agosto de 1946: a Faculdade Yonhi foi renomeada para Universidade Yonhi.
  • Janeiro de 1957: a Faculdade de Medicina e Hospital Severance e a Universidade Yonhi sofreram fusão, transformando na Universidade Yonsei.

Reconhecimento nacional[editar | editar código-fonte]

Em 2010 foi relatado que 46,3% dos altos funcionários do governo e 50% dos CEOs de grandes companhias financeiras eram graduados de universidades SKY.[9] Além disso, mais de 60% dos alunos que passaram no exame coreano de Direito em 2010 eram graduados de universidades SKY.[10]

Preocupações[editar | editar código-fonte]

Tem havido um número de estudantes universitários SKY que abandonaram a escola para protestar contra o aumento do elitismo acadêmico na Coreia do Sul.[11]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. a b «Life and death exams in South Korea». Asia Times Online. 30 de novembro de 2005 
  2. [1], [2], [3], [4], [5],[6]
  3. [7], [8], [9], [10], [11] (artigos em inglês)
  4. (2016-08-25) "QS World University Rankings 2016". Top Universities.
  5. «A Taste of Failure Fuels an Appetite for Success at South Korea's Cram Schools». New York Times. 12 de agosto de 2008 
  6. a b «Seoul National University Facts» (em inglês). Universidade Nacional de Seul. Consultado em 31 de dezembro de 2013 
  7. a b «About KU : Facts». Universidade da Coreia. Consultado em 31 de dezembro de 2013 
  8. a b «Statistics». Universidade Yonsei. Consultado em 31 de dezembro de 2013 
  9. «금융권 CEO 출신대학..서울대>고려대>연세대 順». Naver. 22 de junho de 2010 
  10. «올 사시 최종합격자 10명중 6명은 'SKY'». LEC.co.kr. 26 de novembro de 2010 
  11. Kim Gyeong-su (17 de novembro de 2011). «명문대 줄잇는 '공개 자퇴' 왜?». 파이낸셜뉴스 (em coreano). Consultado em 20 de novembro de 2011