SKY (universidades)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

SKY é um acrônimo usado para se referir as três universidades mais prestigiadas e concorridas da Coreia do Sul: Universidade Nacional de Seul, Universidade da Coreia e Universidade Yonsei.[1] O termo é amplamente utilizado na Coreia do Sul, tanto pela mídia, como pelas próprias universidades.[2][3]

Na mais recente classificação internacional das universidades duas das universidades SKY foram consideradas entre as 100 melhores do mundo: Universidade Nacional de Seul (35) e Universidade da Coreia (98).[4] Na Coreia do Sul, a admissão em uma das universidades SKY é amplamente considerada como determinante da carreira e status social.[5][1] Na verdade, muitos dos políticos, advogados, médicos, engenheiros e professores mais influentes da Coréia do Sul se formaram em uma das universidades SKY.

Membros[editar | editar código-fonte]

Instituição Tipo Estabelecimento Apelido Matrículas na graduação Matrículas na pós-graduação Lema
Universidade Nacional de Seul Nacional 1946 Gwanak Cranes 16.712 (2013)[6] 11.299 (2013)[6] Veritas lux mea
A verdade é a minha luz
em coreano: 진리는 나의 빛
Universidade da Coreia Privada 1905 Anam Tigers 25.399 (2011)[7] 9.896 (2011)[7] Libertas, Justitia, Veritas
Liberdade, Justiça, Verdade
em coreano: 자유, 정의, 진리
Universidade Yonsei Privada 1885 Sinchon Eagles 21.480 (2011)[8] 6.668 (2011)[8] A verdade vos libertará
(João 8:32)
em coreano: 진리가 너희를 자유케 하리라
(요한복음 8:32)

História[editar | editar código-fonte]

  • 1924: a sede e departamentos preparatórios da Universidade Imperial Keijō foram fundados pelo Japão. Esta universidade é a principal antecessora da Universidade Nacional de Seul.
  • 1926: Três departamentos (Direito, Ciências Médicas e Ciências Humanas) da Universidade Imperial Keijō foram abertos pelo Japão. Estas foram as primeiras aulas de universidade moderna na Coreia. Esta instituição foi a única universidade na Coreia durante o período da ocupação japonesa. O governo japonês não aprovou o establecimento de nenhuma universidade, exceto a Universidade Imperial Keijō.
  • 1946: Estabelecimento como universidade após a independência.
  • Agosto de 1946: a Universidade Nacinal de Seul foi fundada por fusão de várias instituições japonesas - incluindo a Universidade Imperial Keijō - de ensino superior em torno de Seul.
  • Agosto de 1946: a Faculdade Bosung foi renomeada para Universidade da Coreia.
  • Agosto de 1946: a Faculdade Yonhi foi renomeada para Universidade Yonhi.
  • Janeiro de 1957: a Faculdade de Medicina e Hospital Severance e a Universidade Yonhi sofreram fusão, transformando na Universidade Yonsei.

Reconhecimento nacional[editar | editar código-fonte]

Em 2010 foi relatado que 46,3% dos altos funcionários do governo e 50% dos CEOs de grandes companhias financeiras eram graduados de universidades SKY.[9] Além disso, mais de 60% dos alunos que passaram no exame coreano de Direito em 2010 eram graduados de universidades SKY.[10]

Preocupações[editar | editar código-fonte]

Tem havido um número de estudantes universitários SKY que abandonaram a escola para protestar contra o aumento do elitismo acadêmico na Coreia do Sul.[11]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. a b «Life and death exams in South Korea». Asia Times Online. 30 de novembro de 2005 
  2. [1], [2], [3], [4], [5],[6]
  3. [7], [8], [9], [10], [11] (artigos em inglês)
  4. «QS World University Rankings 2016». Top Universities. 25 de agosto de 2016 
  5. «A Taste of Failure Fuels an Appetite for Success at South Korea's Cram Schools». New York Times. 12 de agosto de 2008 
  6. a b «Seoul National University Facts» (em inglês). Universidade Nacional de Seul. Consultado em 31 de dezembro de 2013 
  7. a b «About KU : Facts». Universidade da Coreia. Consultado em 31 de dezembro de 2013 
  8. a b «Statistics». Universidade Yonsei. Consultado em 31 de dezembro de 2013 
  9. «금융권 CEO 출신대학..서울대>고려대>연세대 順». Naver. 22 de junho de 2010 
  10. «올 사시 최종합격자 10명중 6명은 'SKY'». LEC.co.kr. 26 de novembro de 2010 
  11. Kim Gyeong-su (17 de novembro de 2011). «명문대 줄잇는 '공개 자퇴' 왜?». 파이낸셜뉴스 (em coreano). Consultado em 20 de novembro de 2011