Sandra Medeiros Epega

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde setembro de 2015).
Por favor, adicione mais referências inserindo-as no texto ou no rodapé. Material sem fontes poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Iya Sandra Medeiros Epega[1][2][3][4] (São Paulo, 19476 de dezembro de 2013) é uma Iyálorixá do Ilé Leuiwyato, Templo de Tradição de Orixá, dedicado a Orixá Xangô, em Guararema, São Paulo. Filha adotiva do falecido Bàbáláwo Olarimiwa Epega, deu início ao clã Erin Epega no Brasil. Grande Iyálorixá uma das primeiras mulheres conhecedora dos segredos de Ifá no Brasil, ministrou palestras por todo o Brasil nos últimos anos de sua vida sofria com complicações relacionadas ao diabetes.

Membro do Conselho Religioso do INTECAB/SP.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Revista U S P , São Paulo (2 9) : 1 6 6 - 1 7 3, março/maio 1 9 9 6

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre candomblé é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.