Santuário de Chongmyo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Pix.gif Santuário de Chongmyo *
Welterbe.svg
Património Mundial da UNESCO

Jongmyo3.jpg
Uma vista do hall principal do Santuário de Chongmyo
País Coreia do Sul
Critérios (iv)'"`UNIQ--nowiki-00000001-QINU`"'1'"`UNIQ--nowiki-00000002-QINU`"'
Referência 738 en fr es
Coordenadas 37° 33′ 00″ N, 126° 59′ 00″ L(Seoul)[1]
Histórico de inscrição
Inscrição 1995[1]  (? sessão)
* Nome como inscrito na lista do Património Mundial.

Chongmyo, em Seoul, na Coreia do Sul, é o mais velho e mais autêntico dos santuários reais confucianos que foram preservados. Consagrado aos antepassados da dinastia de Choson, tem actualmente o aspecto que tinha no século XVI e abriga tabuletas que registram os ensinamentos da família real anterior. Cerimónias rituais que ainda unem música, canção e dança acontecem lá, perpetuando uma tradição que vem do século XIV.[2]

Foi declarado Património Mundial da Unesco em 1995.[1]

Referências

  1. a b c d Website da UNESCO
  2. «Patrimônio Mundial». Consultado em 11 de fevereiro de 2008. Arquivado do original em 29 de agosto de 2009 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Santuário de Chongmyo
Ícone de esboço Este artigo sobre Monumentos na Coreia do Sul é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.