Sistema Montejunto-Estrela

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Encosta da Serra de Aire e Candeeiros no sistema montanhoso Montejunto-Estrela.
Encosta da Serra da Estrela.

O Sistema Montejunto-Estrela é uma cordilheira que atravessa diagonalmente o território de Portugal Continental, de sudoeste para nordeste, na Região do Centro. Como o próprio nome indica, este sistema montanhoso tem início na Serra de Montejunto, continua pelas serras de Aire e Candeeiros (no Maciço Calcário Estremenho), de Sicó, da Lousã, do Açor, e termina na Serra da Estrela.

Estas serras constituem uma barreira orográfica aos ventos que, vindos de noroeste ou sudoeste, são obrigados a subir, arrefecendo e condensando a humidade que transportam, o que origina chuva nas vertentes expostas a esses ventos (chuva orográfica).[1]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Crispim, J.A. (2008) - Património geológico da Serra de Montejunto. Sociedade Portuguesa de Espeleologia. Lisboa. ISBN 978-989-95897-0-4
Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia de Portugal é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.