Sistema de lançamento reutilizável

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Translation Latin Alphabet.svg
Este artigo ou seção está a ser traduzido de «Reusable launch system» na Wikipédia em inglês (desde julho de 2017). Ajude e colabore com a tradução.
Ônibus espacial Discovery

Um sistema de lançamento reutilizável (SLR) (em inglês: reusable launch system ou RLS), ou ainda veículo de lançamento reutilizável (VLR) (em inglês: reusable launch vehicle ou RLV) é um sistema de lançamento capaz de lançar um mesmo veículo ao espaço mais de uma vez. Ele é o oposto do Sistema de lançamento descartável, onde cada veículo é lançado apenas uma vez e descartado.[1]

Até Julho de 2017, nenhum sistema de lançamento orbital completamente reutilizável já foi criado. Dois sistemas de lançamento parcialmente reutilizáveis foram desenvolvidos, o ônibus espacial e o Falcon 9.

O ônibus espacial foi parcialmente reutilizável: o veículo propriamente dito (que incluia os motores principais e os motores do sistema de manobra orbital), e os dois foguetes auxiliares de combustível sólido eram reutilizados depois de vários meses de reconstrução e ajustes. O tanque externo do ônibus espacial era descartado.[2]

O foguete Falcon 9 possui o primeiro estágio reutilizável. Vários desses estágios pousaram com segurança após o lançamento. Em 30 de março de 2017, um Falcon 9 reutilizado conseguiu aterrissar em um espaçoporto flutuante autônomo (em inglês: Autonomous Spaceport Drone Ship ou ASDS), após o segundo lançamento, marcando o primeiro relançamento e pouso bem sucedido de um foguete de classe orbital.

Os VLR orbitais tem a intenção de fornecer um acesso ao espaço com baixo custo e alta confiabilidade. No entanto, a reusabilidade implica em restrições de peso, tais como escudos térmicos não ablativos, combustível adicional e componentes necessários ao pouso além de uma estrutura mais forte para resistir a vários voos.

Primeiro estágio do Falcon 9 pousando no espaçoporto flutuante autônomo.

Devido à falta de experiência com esses tipos de veículos, os custos e confiabilidades reais ainda precisam ser comprovadas.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Butrica, Andrew J. (2006). «Capítulo 10». Reusable Launch Vehicles or Expendable Launch Vehicles A Perennial Debate. [S.l.: s.n.] 
  2. «Space Shuttle – External Tank». Consultado em 29 de julho de 2017 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre exploração espacial é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.