Sociolinguística Interacional

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, o que compromete a verificabilidade (desde maio de 2018). Por favor, insira mais referências no texto. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Sociolinguística Interacional é uma subdisciplina da Linguística que utiliza a Análise do Discurso para estudar como os usuários da língua criam significados através das interações sociais..[1] A Sociolinguística Interacional foi fundada pelo linguista e antropólogo John J. Gumperz.[1][2] Dentre os tópicos de interesse, se incluem a Comunicação Intercultural, a Cortesia, e o Enquadramento noticioso.

Em termos metodológicos de pesquisa, a área analisa a gravação e reprodução de sons ou gravações de vídeos dos diálogos ou outras interações. Os estudos enfocam não só nas formas linguísticas, como as palavras ou sentenças, mas também na prosódia e no registro que sugere o contexto. Tais sugestões de contextos são culturalmente especificas e inconscientes.

Veja também[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. a b Tannen, Deborah (2006). Language and culture. In R.W. Fasold and J. Connor Linton (eds.) An Introduction to Language and Linguistics, 343-372. Cambridge: Cambridge University Press.
  2. Gumperz, John J. (1982). Discourse Strategies. Studies in Interactional Sociolinguistics 1. Cambridge: Cambridge University Press.