Sony DSC-R1

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde janeiro de 2009).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Sony Cyber-shot DSC-R1

A Sony DSC-R1 ou somente Sony R1 é uma máquina digital Bridge anunciada pela Sony em 2005 (e descontinuada em 2006). Tem como destaque um sensor APS-C CMOS (21.5 x 14.4 mm),um tamanho tipicamente usado em DSLRs e raramente usado em câmeras Bridge (normalmente de 2/3" (= 6.6 x 8.8mm) ou 1/1.8" (= 5.3 x 7.1mm). É a primeira vez que um sensor tão grande é incorporado numa máquina Bridge.

Comparada a uma DSLR normal a Sony R1 tem as seguintes vantagens:

  • "visualização ao vivo" que dá informação da imagem antes da fotografia ser tirada;
  • LCD móvel que permite fotografar de posições difíceis;
  • a imagem no EVF e LCD é brilhante e a luz é amplificada. Um visor óptico não amplifica a luz, tornando mais dificil enquadrar e focar manualmente onde há luz insuficiente;
  • durante a focagem manual, a imagem é ampliada no ecrã LCD ou no EVF - poucas DLSRs podem fazer isso;
  • tecnicamente não há problemas com poeiras, visto que a R1 tem lentes fixas, embora o pó possa entrar pela lente enquanto se faz zoom;
  • funcionamento silencioso;
  • grande angular (24mm) permite fotografar uma cena maior;
  • poucas partes movéis, e portanto, mais fiabilidade.

E as seguintes desvantagens:

  • as lentes não podem ser mudadas: as lentes fornecidas, apesar de terem boa qualidade, apenas cobrem 24-120 mm de alcance de zoom. Existem conversores, mas são muito volumosos;
  • sem visor óptico: embora o EVF seja relativamente bom, não tem resolução suficiente para permitir focagem manual na maior parte das situações. Além disso, há alguns atrasos de tempo na mudança, ou seja, a imagem aparece com um pequeno atraso;
  • A Sony R1 tem ligeiramente maiores níveis de ruído que uma DSLR normal.
  • Não faz vídeos e não grava áudio