Uma Tarde de Domingo na Ilha de Grande Jatte

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Uma Tarde de Domingo na Ilha de Grande Jatte
Autor Georges-Pierre Seurat
Data 18841886
Técnica óleo sobre tela
Dimensões 2,60  × 3,50 
Localização Art Institute of Chicago, Chicago

Uma Tarde de Domingo na Ilha de Grande Jatte (fr: Un dimanche après-midi à l'Île de la Grande Jatte) é uma pintura a óleo da autoria do pintor francês Georges-Pierre Seurat, integrante do Movimento Impressionista. É considerada sua obra mais destacada,[1] feita em pontilhismo nos anos de 1884-86. Retrata a Ilha de Grande Jatte.

Características[editar | editar código-fonte]

O quadro possui dimensões aproximadas de 2 por 3 metros (207.6 cm × 308 cm). Para sua execução Seurat empregou um novo pigmento amarelo de zinco, que é mais visível nas partes iluminadas do gramado, mas também usado nas misturas com pigmentos laranja e azul. No começo do século XX, e até antes do término da obra, o amarelo de zinco mostrava degeneração para o marrom, algo percebido ainda durante a vida de Seurat.[2]

Pertence ao acervo do Art Institute of Chicago.

Contexto da Obra[editar | editar código-fonte]

A pintura foi feita entre maio de 1884 e março de 1885 e entre outubro de 1885 e maio de 1886[3]. Na primeira fase de produção, Seurat pintou o quadro usando técnicas impressionistas e, na segunda fase, aplicou o pontilhismo, então novidade na época[4]. O quadro retrata a ilha de Grande Jatte, situada no rio Sena, próxima aos portões da cidade de Paris, na França. A imagem possui 48 pessoas, 8 barcos, 3 cachorros e um macaco. A obra foi primeiramente exposta em 1886, no salão da Société des Artistes Indépendants (Sociedade dos Artistas Independentes), a qual Seurat foi um dos fundadores[5]. A pintura se tornou célebre e inspirou entre muitos pintores impressionistas, como Claude Monet e Vincent Van Gogh.

Na Cultura Popular[editar | editar código-fonte]

A criação da obra e a vida de Georges-Pierre Seurat serviram de inspiração para um musical da Broadway de 1984 chamado Sunday in the Park with George, criado por Stephen Sondheim e James Lapine. A peça ganhou o prêmio Pulitzer de Teatro em 1985.

Trabalhos de Seurat relacionados[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Simone R. Martins e Margaret H. Imbroisi. «Impressionismo». Consultado em 13 de janeiro de 2010 
  2. Gage, John (1993). Color and Culture: Practice and Meaning from Antiquity to Abstraction (em (em inglês)). Boston: Little, Borwn. pp. 220, 224 .
  3. H. Dorra et J. Rewald, Seurat, p. 156.
  4. http://obviousmag.org/archives/2012/10/uma_tarde_de_domingo_na_ilha_de_grande_jatte.html
  5. Herbert, Robert L., Neil Harris, and Georges Seurat. Seurat and the making of La Grande Jatte. Chicago: Art Institute of Chicago in association with the University of California Press, 2004. Print.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]