Teorema de Peter-Weyl

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Em matemática, o teorema de Peter–Weyl é um resultado básico da análise harmônica, aplicada a grupos topológicos que sejam compactos, mas não necessariamente abelianos. Isto foi inicialmente provado por Hermann Weyl, com seu orientado Fritz Peter, no conjunto de um grupo topológico compacto G.1 O teorema é uma coleção de resultados generalizando os fatos significativos sobre a decomposição da representação regular de qualquer grupo finito, como descoberto por F. G. Frobenius e Issai Schur.


Translation Latin Alphabet.svg
Este artigo ou secção está a ser traduzido de en:Peter–Weyl theorem. Ajude e colabore com a tradução.

Referências

  1. Peter, F.; Weyl, H. (1927), "Die Vollständigkeit der primitiven Darstellungen einer geschlossenen kontinuierlichen Gruppe", Math. Ann. 97: 737–755