Tongas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Família tonga do Zimbábue

Tongas são um povo banto que vive junto ao curso superior do rio Zambeze, na Zâmbia, norte do Zimbábue e, em menor proporção, Moçambique.

É um povo de filiação matrilinear que baseia a sua subsistência na agricultura e na pesca. No passado, fizeram parte do reino de Barotse ou Rotse.

Tongas do Zimbábue[editar | editar código-fonte]

O povo BaTonga do Zimbábue é encontrado dentro e ao redor do distrito de Binga, vila de Binga, área de Kariba e outras partes da Matabelelândia. Eles chegam a 300 mil e são, em sua maioria, agricultores de subsistência. No Zimbábue, a língua do povo de Tonga é chamada de chitonga.

O povo de Tonga se estabeleceu ao longo do lago Kariba após a construção do paredão da barragem de Kariba.[1]

Línguas[editar | editar código-fonte]

O tonganês é falado por cerca de 1,38 milhão de pessoas na Zâmbia e 137 mil no Zimbábue. É uma importante língua franca em partes desses países e é falada não só pelos tongas, mas também por membros de outros grupos étnicos.[2]

Tongas também falam xona e ndebele no Zimbábue, inglês na Zâmbia e Zimbábue e português em Moçambique como segunda língua.

Tongas notáveis[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Colson, Elizabeth; University of Zambia; Institute for African Studies (1971). The social consequences of resettlement: the impact of the Kariba resettlement upon the Gwembe Tonga (em inglês). Manchester, England: Published on behalf of the Institute for African Studies, University of Zambia by Manchester University Press. OCLC 12208099 
  2. Campbell, Lyle; Gordon, Raymond G. (2008). «Review of Ethnologue: Languages of the World, Raymond G. Gordon Jr». Language (em inglês) (3): 636–641. ISSN 0097-8507. Consultado em 10 de março de 2021 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui imagens e outros ficheiros sobre Tongas