Torre Azadi

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Torre Azadi.

Torre Āzādi ou Torre da Liberdade (em persa: برج آزادی; transl.: Borj-e Āzādi) é o símbolo de Teerã. A torre, construída em 1971 por ocasião das comemorações dos 2.500 anos do Império Persa, foi chamada originalmente Shahyād(em persa, شهیاد),, que significa ("memorial dos reis"). Passou a chamar-se Azadi ("liberdade") a partir dos protestos que tiveram lugar em 12 de dezembro de 1978 que conduziriam à Revolução de 1979.

Foi concebida pelo arquiteto Hossein Amanat, que aos 24 anos apresentou o projeto vencedor do concurso realizado em 1966. A Torre Azadi combina os elementos arquitetônicos do período Sassânida e da arquitetura islâmica. Tem 45 m de altura e é inteiramente revestida por 25.000 placas de mármore branco de Isfahan.[1][2] Um museu e várias fontes completam o conjunto.

A torre está situada no centro da Praça Azadi (em persa: میدانِ آزادی; transl.: Miyáni Azadí), cuja área é de 50.000 m². Nessa praça aconteceram as manifestações que levaram à Revolução de 1979.

Referências

  1. «Yahoo News - Latest News & Headlines». news.yahoo.com. Consultado em 1 de setembro de 2015. 
  2. Hureau, Jean. Iran Today, 2nd. Ed, editions j.a.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

  • Conteúdo relacionado com Azadi Tower no Wikimedia Commons


Flag of Iran.svg Irão
História • Política • Forças Armadas • Subdivisões • Geografia • Economia • Demografia • Cultura • Turismo • Portal • Imagens