Twilight (Meg Cabot)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde outubro de 2012). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Twilight é um livro escrito pela autora Meg Cabot e publicado em 2004. É o sexto, e, último livro na série A Mediadora.

Enredo[editar | editar código-fonte]

Desta vez é vida ou morte. A série A Mediadora, de Meg Cabot, chega ao fim com Crepúsculo. Suzannah Simon, uma adolescente nova-iorquina que poderia ser tachada de comum se não tivesse o dom - ou seria o azar? - de falar com os mortos, terá que tomar uma difícil decisão. Suzannah já se acostumou com os fantasmas em sua vida. Eles a acordam no meio da noite, reviram seu armário e aprontam coisas ainda mais sinistras. Como mediadora, pode não somente ver fantasmas, como também interagir com eles. E foi assim que se apaixonou por Jesse, um fantasma gatão do século XIX. Mas, suas questões vão muito além de assuntos do coração: sua função é entender as mágoas dos mortos e ajudá-los a resolver os problemas com os vivos. Quando ela e Paul Slater - mediador de força inegável e intenções dúbias - descobrem que seus poderes vão muito além de ajudar fantasmas a resolver seus problemas, Suze pira de vez. É muito aterrorizante ter o destino dos fantasmas em mãos, podendo alterar o curso da história, principalmente porque Paul também sabe como fazer isso. E ele adoraria evitar o assassinato de Jesse, impedindo-o de virar fantasma e lhe garantindo uma vida tranquila, finalmente... mas no século XIX. Isso significaria que Jesse e Suzannah jamais se conheceriam. Suze então está diante da decisão mais importante da sua vida: deixar o único cara que já amou voltar para seu próprio tempo, impedindo assim sua morte... ou ser egoísta e mantê-lo a seu lado como um fantasma. O que Jesse escolheria: viver com Suzannah ou morrer sem poder conhecê-la? Aventura, mistério e romance, o livro Crepúsculo é o sexto e último volume da série A Mediadora, de Meg Cabot, autora da série O diário da princesa, vendida para 37 países além dos Estados Unidos.

Personagens[editar | editar código-fonte]

  • Suzannah Simon - "Suze" é uma adolescente comum se não fosse por um detalhe: é mediadora (que, de acordo com o livro, significa alguém com a capacidade de conversar com fantasmas) agora namora Jesse de Silva (ver abaixo).
  • Jesse da Silva - fantasma gatão e muito educado que morava no quarto de Suzannah, mas seus modos de 1850 não o permitem conviver com uma dama, mesmo que usando calças, por isso se muda para a reitoria pouco depois se tornar namorado de Suzannah .
  • Padre Dominic - padre e diretor da escola Junipero Serra, também é mediador, tal como Suzannah.
  • Andy - é o padrasto de Suzannah.
  • Mãe de Suzannah - é jornalista e se mudou com Andy para Carmel, pois eles se casaram.
  • CeeCee - melhor amiga de Suzannah. Nesse verão, ela começa a trabalhar no jornal da cidade Carmel. Ela morre de amores por Adam.
  • Adam - é um dos amigos de Suzannah, e dá em cima dela o tempo todo, o que faz CeeCee morrer de ciúmes.
  • Peter Simon - pai de Suzannah, morreu de um infarte fulminate, e até hoje Suzannah o vê, pois ele se torna um fantasma.
  • Soneca - meio-imão de Suzannah, sempre esta dormindo pois trabalha até tarde numa pizzaria para comprar um carro. Seu verdadeiro nome é Jake.
  • Mestre - meio-imão de Suzannah, é chamado de Mestre porque é um sabe-tudo. É o irmão favorito de Suze. Seu nome verdadeiro é David.
  • Dunga - meio-imão de Suzannah, é chamado assim pois esta sempre de mau-humor e só entende de shakes de proteínas, chaves de braço e coisas do tipo. O irmão que mais dá ódio em Suze. Seu nome verdadeiro é Brad.
  • Paul Slater - irmão de Jack, Paul é um garoto bizarro que logo se apaixona por Suzannah, porém não é correspondido, pois ela está apaixonada por Jesse. Faz tudo para ter Suzannah, não importa como. Como Suzannah, Jack e o Padre Dominic, Paul também é mediador, mas, ao contrário dos outros três, ele é um mediador horrível, que não ajuda os fantasmas. É uma pessoa muito arrogante e esperta.
  • Jack Slater - É o garoto que Suzannah tem que ficar de babá no quarto livro da série. Suzannah logo descobre o por que o garoto não gosta de sair de casa; porque ele vê fantasmas, assim como ela. Suzannah logo conversa com ele sobre ser mediador e ele para de ter medo. Muito amigo de Suzannah, faz qualquer coisa para ajudá-la.
  • Oliver Slaski avô de Paul e Jack, é escritor do livro dos mortos, e tentou contar ao mundo sobre os mediadores, até mesmo os batizando de outro nome.