U-219

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
U-219
Carreira   Bandeira da marinha que serviu
Data de encomenda 6 de agosto de 1940
Estaleiro F. Krupp Germaniawerft, Kiel[1]
Batimento de quilha 31 de maio de 1941
Lançamento 6 de outubro de 1942
Comissionamento 12 de dezembro de 1942
Período de serviço 1942 - 1945
Estado Tomado pelo Japão
Fatalidade 5 de maio de 1945
Características gerais
Tipo de navio Submarino
Classe Tipo XB[2]
Deslocamento 1763 toneladas (superfície)
2177 toneladas (submerso)
Altura 10,2 m
Comprimento 89,8 m
Boca 9,20 m
Calado 4,71 m
Propulsão 4 800 HP (superfície)
1100 HP (submerso)
Velocidade 17,0 nós (superfície)
7 nós (submerso)
Autonomia 18450 milhas / 10 nós (18,5 km/h) (superfície)
93 milhas / 4,0 nós (7,4 km/h) (submerso)
Profundidade máximo de 220 m
Armamento lança torpedos 4/1 (tubos de popa/tubos de convés), 15 torpedos
Tripulação 56 tripulantes

Unterseeboot 219 (U-219) foi um submarino alemão tipo XB, no especializado em instalação de minas.[3]

História[editar | editar código-fonte]

Operou no sul do Oceano Atlântico com o segundo Monsun Gruppe até ao Oceano Índico. Este grupo fazia parte do U-Flotte 33.

A missão do U-219 tinha sido inicialmente de colocar minas perto da costa da Cidade do Cabo e Colombo. Mas quanto o grupo U-Tanker foi destruído, foi necessário que o U-219 trata-se de reabastecer o resto do grupo no mar alto, de modo a poderem voltar à Alemanha.

A sua viagem seguinte de Bordéus na França, era um transporte de cargas. A sua carga incluia partes de 12 foguetes V-2 para o Japão. A sua irmã, U-234, transportava um cientista civil, perito em foguetes V-2, para ajudar os Japonêses na produção dos foguetes V-2. Segundo mensagens descodificadas pelos Estados Unidos, o U-219 também transportava óxido de urânio.

O U-219 e o U-195, ambos partilhando a tarefa de transporte das peças de foguetes V-2 - partiram juntamente com o U-180. Os 2 (dois) submarinos chegaram assim a Jacarta em dezembro de 1944.

Após a rendição da Alemanha aos Aliados, o U-219 foi apreendido pelas forças militares Japonesas, e por fim capturado em Surabaya.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Guðmundur Helgason. «F. Krupp Germaniawerft AG, Kiel» (em inglês). u-boat.net. Consultado em 1 de janeiro de 2011 
  2. Uboat.net. «Type XB» (em inglês). Consultado em 1 de abril de 2012 
  3. Guðmundur Helgason. «U-219» (em inglês). Uboat.net. Consultado em 16 de janeiro de 2014 

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Stern, Robert C. (1991). Type VII U-boats. Annapolis, Maryland (USA): Naval Institute Press. ISBN 1-55750-828-3.
  • Peter Sharpe, U-Boat Fact File. Midland Publishing, Inglaterra, 1998. ISBN 1-85780-072-9.
  • Rohwer, J. and Hummelchen, G. (1992). Chronology of the War at Sea 1939-1945. Naval Institute Press. ISBN 1-55750-105-X.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Ícone de esboço Este artigo sobre tópicos navais é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.