Wingdings

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Wingdings é uma fonte tipográfica criada pelos designers Kris Holmes e Charles Bigelow para Microsoft em 1990 com o nome oficial de Lucida Icons, Arrows, and Stars. Renomeada Wingdings em 1992, ela foi distribuída, no formato TrueType, em todas as edições do sistema operacional Windows a partir da versão 3.1.

Em lugar dos caracteres alfanuméricos tradicionais, Wingdings apresenta grupos de sinais gráficos, como setas, emoticons, pictogramas, formas geométricas, símbolos religiosos e do zodíaco e ornamentos tipográficos.

Juntamente a Wingdings, a Microsoft lançou também Wingdings 2, com predominância de símbolos numéricos e Wingdings 3, contendo exclusivamente setas diversas.

Exemplo[editar | editar código-fonte]


ABCDEFGHIJKLMNOPQRSTUVWXYZ abcdefghijklmnopqrstuvwxyz 1234567890

Alfabeto fonético:

ɪɡˈzɑːmpəl əv aɪpiːˈeɪ tɹɑːnˈskɹɪpʃən

Caracteres Árabes: العربية

.

Caracteres Hebraicos:

עברית.

Caracteres cirílicos:

Кирилица.

Caracteres germânicos:

ÅÄÆÖØ åäæöøß.

Caracteres Gregos:

Ελληνικά.

(se a fonte não estiver instalada em seu computador, ela será substituída por outra padrão.)

Polêmica[editar | editar código-fonte]

'Q33 NY' escrito em Wingdings

Há polêmicas desde o início na história de Wingdings. Em 1992, dias após o lançamento do Windows 3.1, foi descoberto que os caracteres "NY" da Wingdings eram transformados em uma caveira, uma estrela de Davi e um sinal de positivo (NY), que poderia ser interpretada como um sinal de aprovação a morte de judeus, comunidade bastante ligada a Nova Iorque. A Microsoft negou veementemente qualquer intenção por parte do fato, insistindo que era apenas uma coincidência.

Após os incidentes de 11 de setembro de 2001, o boato adquiriu uma roupagem mais elaborada, afirmando que se a sequência "Q33NY" fosse digitada em Wingdings, o "Q" se transformaria em um avião, os "3" se tornariam um símbolo semelhante a dois edifícios, o "N" uma caveira e o "Y" a estrela de Davi (Q33NY). No entanto, se por um lado NY seria Nova Iorque, "Q33" deveria se referir ao n° do vôo que colidiu com as torres gêmeas.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]