Zdislava de Lemberk

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Zdislava de Lemberk
Imagem de Santa Zdislava reconstruida digitalmente em 2018 a partir de seu crânio.
Nascimento c. 1220 em Křižanov, Morávia, República Checa
Morte 1252 em Castelo de Lemberk, República Checa
Veneração por Igreja Católica
Beatificação 28 de agosto de 1907 por Papa Pio X
Canonização 21 de maio de 1995, Olomouc, Morávia, República Checa por Papa João Paulo II
Festa litúrgica 3 de janeiro
Gloriole.svg Portal dos Santos

Zdislava de Lemberk (Křižanov, c. 1220Castelo de Lemberk, 1252) foi uma nobre checa venerada como santa pela Igreja Católica.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Filha de um guerreiro do rei Venceslau II da Boêmia, sendo sua mãe, camareira da rainha Cunegunda de Hohenstaufen. Quando tinha 25 anos de idade, casou com o príncipe Havel de Lemberk, homem violento e orgulhoso de quem teve quatro filhos: Havel, Margarita, Jaroslav e Zadislav.

Adoptando fervorosamente o entusiasmo pelo recente fundação da Ordem dos Pregadores, solicita a São Jacinto, frade alemão para que vá até à Boémia pregar e lançar a nova Ordem. Em tempos de guerras, Zedislava dedicava-se intensamente à oração, tendo-se torna membro da Ordem dos Pregadores, por intermédio da Ordem Terceira de São Domingos, apoiou a instalação dos primeiro frades daquela Ordem na Morávia, bem como prestava auxílio aos refugiados e feridos da guerra. Promoveu ainda o estabelecimento da Ordem na vizinha Boémia, obtendo o apoio do seu marido na fundação de vários Conventos.

Foi beatificada pelo Soberano Papa São Pio X a 28 de agosto de 1907. Foi canonizada pelo Papa São João Paulo II, a 21 de Maio de 1995.[1]

Sua festa litúrgica é a 3 de janeiro.[1]

Referências

  1. a b «January 3rd - St. Zdislava Berka» (em inglês). newsgroups.derkeiler.com. Consultado em 7 de janeiro de 2012.