A Escalada

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

A Escalada – A Verdadeira História da Tragédia no Everest é um livro que descreve a versão contada pelo alpinista russo Anatoli Boukreev sobre o disastre no Monte Everest em 1996, durante o qual 12 alpinistas perderam a vida.[1] O co-autor, G. Weston DeWalt (que não fazia parte da expedição), fornece os detalhes de outros alpinistas e inclui a narrativa do diário de Boukreev.[1]

O livro é também, pelo menos em parte, uma resposta a Jon Krakauer que conta a mesmo acontecimento em seu livro No Ar Rarefeito (Into Thin Air: Death on Everest), e que colocou parte da culpa pelo desastre, em ações de Boukreev durante a subida, que este recusou-se a aceitar, provavelmente levando a recontar o seu próprio lado do evento.[1]

Referências

  1. a b c Anatoli Boukreev; The Climb: Tragic Ambitions on Everest; St. Martin's Press; (1997); ISBN 13-9780312168148

Ligações externas[editar | editar código-fonte]