Abel Kirui

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Broom icon.svg
As referências deste artigo necessitam de formatação (desde maio de 2013).
Por favor, utilize fontes apropriadas contendo referência ao título, autor, data e fonte de publicação do trabalho para que o artigo permaneça verificável no futuro.
Abel Kirui
Atletismo
Modalidade maratona
Nascimento 4 de Junho de 1982 (32 anos)
Quênia
Nacionalidade Quénia queniano
Medalhas
Jogos Olímpicos
Prata Londres 2012 maratona
Campeonatos Mundiais
Ouro Berlim 2009 maratona
Ouro Daegu 2011 maratona

Abel Kirui (4 de junho de 1982) é um corredor queniano de longa distância, bicampeão mundial da maratona em Berlim 2009 e Daegu 2011.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Kirui começou a correr quando ainda cursava a escola primária no Quênia. Após terminar o ensino secundário, sem emprego, ele entrou numa corrida de recrutamento para a Polícia Administrativa, uma unidade de segurança do governo do Quênia, onde o vencedor seria contratado para a polícia. Ele venceu a prova, ganhou o emprego e a partir dali começou a treinar seriamente.

Em 2006, depois de estrear a distância na Maratona de Singapura, ele participou da Maratona de Berlim como "coelho" - corredores contratados para puxar o ritmo da prova durante uma determinada distância do percurso - mas mesmo assim terminou em nono lugar.[1] Em setembro de 2007, na mesma maratona, ficou em segundo lugar (2h06m51s) perdendo apenas para o etíope Haile Gebrselassie, que na mesma prova quebrou o recorde mundial. Em 2008, venceu a Maratona de Viena em 2h07m38s, novo recorde do percurso.

Em abril de 2009 conseguiu o terceiro lugar na Maratona de Roterdã, prova de alto índice técnico, com o expressivo tempo de 2h05m04, o sexto melhor do mundo até agosto de 2009.[2] Em agosto do mesmo ano, sagrou-se campeão mundial em Berlim, com um novo recorde do campeonato mundial, 2h06m54s.[3]

Depois dessa conquista, Abel não teve bons resultados nas temporadas de 2010 e 2011, mas, como campeão mundial, recebeu da confederação queniana o direto de defender seu título no Mundial de Daegu, em setembro de 2011, onde novamente venceu a prova, em 2h07m38s, mais de dois minutos e meio à frente do segundo colocado, tornando-se bicampeão mundial.[4]

Abel disputa provas entre os 3000 m em pista e a maratona, onde conseguiu seus resultados mais expressivos. Também participante de provas em distâncias não-olímpicas, como as de 20 km e da meia-maratona, venceu a Meia-Maratona de Paderborn em 2007. Nos Jogos Olímpicos de 2012, em Londres, ele conquistou a medalha de prata na maratona, com o tempo de 2:08:27[5] .

Ele vive na vila de Nabkoi, a 2 km da cidade de Kapsabet, na Província do Vale do Rift, no Quênia. É casado, tem um filho e é treinado pelo técnico italiano especializado em corredores de longa distância, Renato Canova.[6]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Abel Kirui