Alcetas I do Épiro

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Alcetas I foi um rei do Épiro, e um bisavô de Pirro.

Antepassados[editar | editar código-fonte]

Os reis do Épiro descendiam de Pielus,[1] filho de Pirro e Andrómaca.[2] Épiro teve apenas um rei,[3] desde sua conquista por Molosso,[1] filho de Pirro e Andrómaca,[2] até o reinado de Alcetas I.[3] Tharypus foi um descendente de Pirro, filho de Aquiles; quinze gerações separam Thapyrus e de Pirro, filho de Aquiles.[2]

Em uma outra versão, Pirro, o ancestral dos reis do Épiro, era filho de Neoptólemo, filho de Aquiles, e de Lanassa, filha de Cleódeo, filho de Hilo; o nome Pirro era o apelido de Neoptólemo, e foi dado a seu filho.[4]

O reino do Épiro caiu em barbarismo, até Tharrhypas, que introduziu costumes gregos.[5]

Família[editar | editar código-fonte]

Tharrhypas ou Thapyrus foi o pai de Alcetas I.[2] [5] Neoptólemo I e Arribas I eram irmãos, filhos de Alcetas I do Épiro, filho de Tharypus[2]

Sucessão[editar | editar código-fonte]

Com a morte de Alcetas I, seus filhos Neoptólemo I e Arribas disputaram o trono, e concordaram em dividir o poder, reinando juntos.[3]

Neoptólemo I foi o pai de Olímpia [2] e de Alexandre I de Épiro,[3] e Arribas o pai de Eácides I, pai de Pirro,[2] o famoso rei do Épiro que lutou contra Roma.

Referências

  1. a b Pausânias (geógrafo), Descrição da Grécia, 1.11.2
  2. a b c d e f g Pausânias (geógrafo), Descrição da Grécia, 1.11.1
  3. a b c d Pausânias (geógrafo), Descrição da Grécia, 1.11.3
  4. Plutarco, Vidas Paralelas, Vida de Pirro, 1.2
  5. a b Plutarco, Vidas Paralelas, Vida de Pirro, 1.3