Annie Edson Taylor

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Annie Edson Taylor (24 de Outubro de 1838 — 29 de Abril de 1921) foi uma professora e aventureira estadunidense.

Ela entrou para a história quando, em 24 de Outubro de 1901 (dia do seu 63º aniversário), tornou-se a primeira pessoa a sobreviver à descida das cataratas do Niágara dentro de um barril1 .

A Aventura[editar | editar código-fonte]

Annie imaginou que descer as cataratas do Niágara seria uma forma de ganhar fama e dinheiro. Assim, ela projetou um barril de salmora modificado, impermeável portanto, e contratou um agente para tornar o evento público. Ela comprimiu o ar no barril para 30 psi com uma bomba de bicicleta, amarrou-se entre travesseiros e usou uma bigorna para se equilibrar. Ela entrou no barril com seu gato e desceu as cataratas com vários repórteres e turistas assistindo a tudo. Fim da aventura, ela foi retirada de seu barril 17 minutos após ter descido as cataratas, com apenas um corte na cabeça. Este fato lhe rendeu a alcunha de "Heroína das Cataratas do Niágara"2 .

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Annie Edson Taylor

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]