Bathory (2008)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde Maio de 2012). Por favor, adicione mais referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Bathory
Condessa de Sangue (BR)
 Eslovênia /  República Checa /  Inglaterra /  Hungria
2008 • cor • 141 min 
Direção Juraj Jakubisko
Roteiro Juraj Jakubisko e John Paul Chapple
Elenco Anna Friel, Karel Roden, Vincent Regan, Hans Matheson, Deana Horváthová, Franco Nero
Gênero Drama / Horror
Idioma Inglês
Música Simon Boswell
Página no IMDb (em inglês)

Bathory (Condessa de Sangue (título no Brasil) ) é um filme Eslovaco/Tcheco/Britânico/Húngaro, de 2008, dos gêneros drama e horror, dirigido por Juraj Jakubisko, roteirizado pelo diretor e John Paul Chapple, música de Simon Boswell.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Segundo o jornal inglês The Sun, o filme é a biografia da lendária Condessa Elizabeth Bathory, a assassina com a maior contagem de corpos da história. Após a morte do seu marido, ela foi acusada de torturar e matar centenas de meninas e mulheres jovens. Supostamente, ela assassinou 600 vítimas, e foi julgada pelo assassinato de oitenta.[1]

Elenco[editar | editar código-fonte]

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

Famke Janssen, atriz de The Faculty, havia desistido de representar a Condessa. Anna Friel adorou o papel, e escreveu para o diretor convencendo-o a colocá-la no papel.[1]

Referências

  1. a b c Gordon Smart, The Sun, Topless Anna is Friel-ly scary, publicado em 26 de fevereiro de 2009 [em linha]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]