Cádi

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Um cádi ou qadi [1] (em árabe: قاضي qāḍī) é um juiz muçulmano que julga segundo a charia, o direito religioso islâmico.[2]

Os cádis julgam temas religiosos, tais como herdanças, matrimônios, divórcios, ainda que teoricamente detêm jurisdição sobre todas as questões legais que envolvam muçulmanos, tanto em questões civis quanto penais.[2] A sentença de um cádi deve basear-se na ijma, o consenso predominante dos ulemás, acadêmicos islâmicos.

Referências

  1. Cfr. pp. 76 e 78 de António Henrique R. de Oliveira Marques, Portugal em definição de fronteiras, 1096-1325: do condado portucalense à crise do século XIV. Ed. Presença, 1996 - 858 páginas. [1]
  2. a b Indu Ramchandani, Students' Britannica India, Vol. 1-5. Ed. Popular Prakashan, 2000 . Cfr. pág. 221 [2]
Ícone de esboço Este artigo sobre religião é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Ícone de esboço Este artigo sobre direito é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.