Crónica de Érico

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Erikskrönikan
Érico Magnusson - O herói da crónica
Idioma Sueco antigo
País  Suécia
Lançamento Aproximadamente 1330
Páginas 4 543 versos

A Crónica de Erico - em sueco Erikskrönikan - é a mais antiga crónica medieval da Suécia, redigida por volta de 1330. O autor é desconhecido. [1] [2]
Contem 5 432 versos redigidos em sueco antigo. [3] [4]
A obra narra a história política da Suécia no período de 1229 a 1319, ano em que Magno II foi eleito rei. [5]

Referências

  1. Erikskrönikan (em sueco) Enciclopédia Nacional Sueca. Página visitada em 21 de agosto de 2013.
  2. Hägg, G. 1001 böcker du måste läsa innan du dör (em sueco). Estocolmo: Wahlström & Widstrand, 2008. Capítulo: xxx. , 68 pp. 9146216499
  3. Erikskrönikan (em sueco) Enciclopédia Nacional Sueca. Página visitada em 21 de agosto de 2013.
  4. Stockholm grundlägges (em sueco) Projekt Runeberg. Página visitada em 20 de agosto de 2013.
  5. Erikskrönikan (em sueco) Enciclopédia Nacional Sueca. Página visitada em 21 de agosto de 2013.

Fonte[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]