Der Tod und das Mädchen

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Franz Schubert, compositor

Der Tod und das Mädchen (Fevereiro 1817, publicada em Viena em Novembro de 1821 como Op 7 No 3), A Morte e a Donzela, em português, é uma lied composta por Franz Schubert. O texto deriva de um poema do poeta alemão Matthias Claudius. A música foi composta para voz e piano.

Letra[editar | editar código-fonte]


Problemas para escutar este arquivo? Veja a ajuda.
Original em Alemão Tradução para o Português

Das Mädchen:

Vorüber! Ach, vorüber!
Geh, wilder Knochenmann!
Ich bin noch jung! Geh, lieber,
Und rühre mich nicht an.
Und rühre mich nicht an.

Der Tod:

Gib deine Hand, du schön und zart Gebild!
Bin Freund, und komme nicht, zu strafen.
Sei gutes Muts! ich bin nicht wild,
Sollst sanft in meinen Armen schlafen!

A Donzela:

Vá embora! Ah, vá embora!
Vá, feroz homem de ossos!
Eu ainda sou jovem! Vá, de preferência,
E não me toque.
E não me toque.

A Morte:

Dê-me sua mão, bela e delicada forma!
Sou amigo, e não venho para punir.
Tenha bom ânimo! Eu não sou feroz,
Tranquilamente você dormirá em meus braços!

Ligações externas[editar | editar código-fonte]